Time da bola parada, Cruzeiro 'misto' vira contra Atlético-PR e segue invicto no Brasileiro

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
Veja os gols de Atlético-PR 2 x 3 Cruzeiro

O Cruzeiro provou neste sábado que é o time da bola parada no Campeonato Brasileiro. Jogando no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, a equipe ficou atrás no placar duas vezes, mas buscou a virada por 3 a 2 contra o Atlético-PR pela terceira rodada do nacional. Nilton, Souza e Marcelo Moreno marcaram para o atual campeão brasileiro. Éderson e Marcelo fizeram para o clube de Curitiba.

LEIA MAIS
Oliveira diz que jogo aéreo estimulou entrada de Moreno e já cobra bom 1º tempo contra San Lorenzo
Decisivo de novo, Marcelo Moreno avisa: 'Estou me esforçando pela titularidade'
Notícias, vídeos, tabela, classificação e artilharia do Brasileiro

Com o placar, a equipe do técnico Marcelo Oliveira - que poupou boa parte dos titulares para a partida contra o San Lorenzo, na próxima quarta-feira, pela Libertadores -  está momentaneamente na primeira colocação com sete pontos. O time paranaense tem quatro pontos e é o oitavo mais bem posicionado.

Antes do partida deste sábado, os três gols do time na Série A tinham sido de bolas paradas: na estreia, contra o Bahia, dois de escanteio; e contra o São Paulo, de falta.

Contra o Atlético-PR - que ficou com um a menos a maior parte da segunda etapa, após a expulsão de Dráusio - , a receita foi seguida à risca nos dois primeiros gols: Nilton fez de cabeça após escanteio, enquanto Souza converteu um pênalti. O último gol, de Marcelo Moreno, foi de cabeça. após cruzamento do mesmo Souza.

Na próxima rodada, no domingo (11/5), o Cruzeiro enfrenta o Atlético-MG no Independência, às 16h. O Atlético-PR volta a campo no sábado (10/5), às 18h30, no Beira-Rio.

O jogo

Mandante no Mané Garrincha, o Atlético-PR logo tratou de pressionar os reservas do Cruzeiro na zona defensiva mineira, acionando muitas vezes o atacante Marcelo. Já a tática do rival durante o primeiro tempo foi a troca de passes, valorizando a posse de bola.

O Atlético-PR tirou o placar do zero aos 23 minutos da primeira etapa. Natanael cruzou da esquerda e Ederson pulou para cabecear, ganhando de Wallace e colocando a bola no contrapé do goleiro Fábio para marcar o primeiro tento do confronto.

O gol mudou a postura do Cruzeiro, que passou a pressionar mais os defensores paranaenses. O time celeste teve chance após falta cobrada no meio da área que contou com o desvio de Bruno Rodrigo, obrigando Weverton a fazer uma grande defesa.

A tática cruzeirense surtiu efeito aos 35 minutos da primeira etapa, quando o placar voltou a ficar empatado. Após cobrança de escanteio de Egídio, Nilton subiu mais que a defesa e cabeceou para o chão, não dando chances para o goleiro Weverton defender.

A resposta não demorou muito. Cinco minutos depois do gol cruzeirense, Marcelo deixou o Atlético-PR à frente do marcador novamente. Ederson cruzou na área e a zaga rebateu, sobrando para o atacante marcar o tento.

Na volta do intervalo, o Atlético-PR teve Dráusio expulso no primeiro minuto da segunda etapa. Com dez jogadores, o Cruzeiro adotou uma postura mais ofensiva, colocando Dagoberto no lugar de Egídio.

A superioridade numérica melhorou o jogo do Cruzeiro, que criava muitas oportunidades na segunda etapa. Aos 28, Alisson invadiu a área e Natanael derrubou o jogador. Pênalti marcado e depois cobrado por Souza, que empatou para o time mineiro.

O jogo ficou concentrado nos contra-ataques, que levavam perigo à equipe de Minas Gerais. Mas ao mesmo tempo, deixavam a zaga desprovida. Aos 38, Marcelo Moreno aproveitou um cruzamento e virou a partida para o Cruzeiro, ganhando de dois defensores dos paranaenses.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 2 X 3 CRUZEIRO

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 3 de maio de 2014, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Jesmar Benedito Miranda de Paula (GO) e Marcio Soares Maciel (GO)
Cartões amarelos: Weverton, Natanael e Cleberson (Atlético-PR); Wallace, Luan e Souza (Cruzeiro)
Cartão vermelho: Dráusio (Atlético-PR)
Gols:
ATLÉTICO-PR: Ederson, aos 23 minutos do primeiro tempo, e Marcelo, aos 40 minutos do primeiro tempo
CRUZEIRO: Nilton, aos 35 minutos do primeiro tempo, Souza, de pênalti, aos 29 minutos do segundo tempo, e Marcelo Moreno, aos 37 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-PR: Weverton; Sueliton, Dráusio, Cleberson e Natanael; Deivid, Otávio, Paulinho Dias (Mário Sérgio) e Marcos Guilherme (Léo Pereira); Marcelo e Ederson (Douglas Coutinho).
Técnico: Miguel Ángel Portugal

CRUZEIRO: Fábio; Mayke, Wallace, Bruno Rodrigo e Egídio (Dagoberto); Nilton, Souza, Tinga (Alisson) e Marlone; Borges e Luan (Marcelo Moreno).
Técnico: Marcelo Oliveira

Comentários

Time da bola parada, Cruzeiro 'misto' vira contra Atlético-PR e segue invicto no Brasileiro

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.