'Novo Bernard' tem multa de R$ 32 mi no Atlético-MG e deve ser blindado por mais um ano

Marcus Alves, do ESPN.com.br
Gazeta Press
Um dos destaque do Atlético-MG na Copinha, Carlos balançou as redes três vezes nas oitavas
Um dos destaque do Atlético-MG na Copinha, Carlos balançou as redes três vezes nas oitavas

Precoce. Talvez não exista melhor palavra para defini-lo. Não são poucos os torcedores que pedem a promoção de Carlos aos profissionais do Atlético-MG ainda nesta temporada. Sensação da campanha do clube na Copa São Paulo, o atacante entrará em campo mais uma vez nesta terça-feira, a partir das 19h (de Brasília), na Arena Barueri, para tentar bater o Santos e levar o time à sua primeira decisão desde 1983.

A ESPN+ transmite a semifinal entre Atlético-MG e Santos, ao vivo, a partir das 18h50, nesta terça-feira

Pode ser mais um ponto de virada na carreira do 'novo Bernard'.

Se depender dos dirigentes alvinegros, o garoto de 18 anos seguirá por um bom tempo na Cidade do Galo. No último mês de julho, ele teve o seu contrato renovado por cinco temporadas.

LEIA MAIS
FPF 'evita' confronto com Atlético-MG e define Barueri para semifinal da Copinha
Goleiro falha, São Paulo é atropelado, e Atlético-MG volta à semi de Copinha após mais de 30 anos
Principais agentes são 'donos' de destaques da Copa São Paulo

Com o novo acordo, para tirá-lo de Belo Horizonte, será preciso desembolsar 10 milhões de euros (aproximadamente R$ 32 milhões), no caso de interesse do exterior. A multa para dentro do país é um pouco menor devido à política atleticana de não oferecer salários elevados às suas promessas. A conta para calculá-la pode chegar a 100 vezes o vencimento anual do atleta.

Segundo a reportagem apurou, o atacante atraiu o interesse de clubes espanhóis em gramados paulistas. Ele tem como representante Giuliano Bertolucci, o empresário mais poderoso do futebol brasileiro hoje, que também cuida das carreiras de Diego Tardelli e Jô e responsável pela transferência de Bernard para o Shakhtar Donetsk na última temporada.

O acordo com o agente foi assinado no segundo semestre do ano passado.

Vice-artilheiro da Copinha, com oito gols, somente um atrás de Gustavo ‘Adebayor', ex-Taboão da Serra, Carlos não deverá ser promovido imediatamente para o time principal. A ideia da diretoria é segurá-lo nas categorias de base pelo menos até 2015. A troca de comando nos profissionais é outro fator citado como favorável nesse sentido. O presidente Alexandre Kalil e o diretor Eduardo Maluf mantêm contato e também não pedem pressa.

"Acredito que ele pode amadurecer um pouco mais antes de subir em definitivo. É um menino talentoso que atuava mais aberto antes e agora faz muito bem o papel de referência na frente", afirma o gerente de base André Figueiredo ao ESPN.com.br.

No Brasileirão, o atacante baiano chegou a ser utilizado por Cuca na etapa complementar de uma partida contra o Náutico, na Arena Pernambuco, e foi levado para o banco de reservas em outros jogos. Além dele, o lateral Alex e o meio-campo Dodô também foram testados.

Essa geração atua junta desde os 13 anos. O destaque da Copa São Paulo foi parar no Atlético-MG depois de ser descoberto em Santos por um olheiro e encaminhado para a equipe alvinegra ainda no pré-infantil.

Nesta terça-feira, ele tem a chance de mostrar que pode ser a resposta que Autuori busca no profissional com o retorno de André e a possível vinda de Rildo, da Ponte Preta.

Veja os gols de São Paulo 1 x 5 Atlético-MG!
Comentários

'Novo Bernard' tem multa de R$ 32 mi no Atlético-MG e deve ser blindado por mais um ano

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.