Volante que provocou Ronaldinho marca e tenta amenizar drama de pai refugiado

Thiago Arantes, de Marrakech, para o ESPN.com.br
Getty
Mabide comemora o terceiro gol do Raja: passada a alegria, a preocupação com o pai desaparecido
Mabide comemora o terceiro gol do Raja: passada a alegria, a preocupação com o pai desaparecido

Vivien Madibe era um ilustre desconhecido até uma entrevista no domingo, em Marrakech. O volante, reserva do Raja Casablanca, mudou o rumo de sua história ao responder com personalidade - e com um quê de provocação - a uma pergunta sobre Ronaldinho.

"Eu já enfrentei o Messi. Se já enfrentei Messi, como eu vou temer Ronaldinho? Ele não é mais aquele Ronaldinho que jogava no Barcelona. É só nome hoje", afirmou.

A declaração virou assunto em mais entrevistas, fossem do Atlético, fossem do Raja. E, depois de 90 minutos de futebol, Mabide sorriu. Ele entrou no jogo, marcou o terceiro gol do Raja e viu sua equipe chocar o mundo ao vencer o clube brasileiro.

Mas, passada a adrenalina, ele voltou a viver o drama que toma conta de sua vida atualmente. O pai de Vivien está refugiado no interior da República Centro Africana, país do origem do jogador, um dos mais pobres da África.

Atualmente, a República Centro Africana vive um dos momentos mais delicados de sua história, com uma batalha de milícias que tem causado mortes e grandes deslocamentos urbanos.

"Ainda estou procurando informações sobre ele. A situação do país é realmente muito difícil atualmente, foi complicado conseguir me concentrar na partida. Ainda estamos buscando onde ele está", afirmou o jogador.

Diante do drama pessoal, a polêmica com Ronaldinho ficou em segundo plano. Mas Mabide não quis aumentar a discussão. "Ele não é mesmo aquele jogador que era no Barcelona. Mas continua sendo um ótimo jogador", disse.

Comentários

Volante que provocou Ronaldinho marca e tenta amenizar drama de pai refugiado

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.