Mesmo com ameaça de calor, Fifa manterá partidas às 13h: 'A vida do futebol é assim', diz Blatter

ESPN.com.br

 

Getty
Candreva tenta se refrescar no forte calor de Fortaleza, durante a Copa das Confederações
Candreva tenta se refrescar no forte calor de Fortaleza, durante a Copa das Confederações

Não existe de os horários das partidas serão mudados para a Copa do Mundo do ano que vem, no Brasil. A garantia foi dada nesta terça-feira pelo presidente da Fifa, Joseph Blatter, desprezando o forte calor em que alguns jogos serão disputados. Ele havia sugerido anteriormente a possibilidade de mudanças nos confrontos marcados para as 13h (de Brasília).

LEIA MAIS
Blatter comenta tragédia na Arena Corinthians e diz que atrasos são 'tão pequenos que são aceitáveis'
Pela primeira vez, Fifa admite atraso na Arena da Baixada e manifesta preocupação
Itália tentará implementar dois tempos técnicos nos jogos da Copa

Mesmo com 24 duelos nessa situação, o cartola suíço abandonou a ideia em entrevista coletiva na Costa do Sauípe, complexo turístico localizado a 76 km de Salvador.

"Dez dias atrás, eu ouvi uma pergunta em Roma e disse que existia uma possibilidade de dar uma olhada no pontapé inicial, mas isso não foi feito e por ora vamos continuar com os horários já definidos para as partidas. Vamos oficializar isso com o comitê executivo", explicou.

Blatter prosseguiu dizendo que tem noção das dificuldades que serão encaradas com compromissos no início da tarde, porém, ressaltou contar com respaldo médico para a decisão.

"A decisão foi tomada com base em relatórios no entendimento de como é o país. O calendário foi organizado pra que partidas não sejam disputadas às 13h em determinadas situações. Essas perguntas sempre vêm de vocês e devem ser feitas de forma profissional, e não assim", respondeu o dirigente, claramente irritado com a pergunta que sugeria uma possível falta de conhecimento da sua parte.

"A sua questão tem um pouco de ironia, porque o senhor não sabe como é o clima, se é quente ou não. Quando disputamos a Copa do México jogamos muitas partidas às 12h e havia o fator altitude. Acredito que, hoje em dia, os jogadores estão acostumados a jogar em condições que nem sempre são as melhores. E a Copa do Mundo também envolve o calendário. Temos que encaixar três partidas por dia, a vida é assim, a vida do futebol é assim. Claro que nem todo mundo vai ficar satisfeito, mas há um ditado que diz que ninguém vai ficar satisfeito com tudo", concluiu.

Comentários

Mesmo com ameaça de calor, Fifa manterá partidas às 13h: 'A vida do futebol é assim', diz Blatter

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.