Vettel supera sustos, vence no Brasil e iguala recordes históricos; Massa se despede da Ferrari com 7º lugar

ESPN.com.br
Getty
Largada do GP do Brasil em 2013: vitória de Vettel, igualando recordes históricos
Largada do GP do Brasil em 2013: vitória de Vettel, igualando recordes históricos

Para fechar a temporada 2013, nada como ter mais um show de Sebastian Vettel. Neste domingo, o tetracampeão da Fórmula 1 venceu o GP do Brasil e igualou marcas históricas de Alberto Ascari e Michael Schumacher. A segunda colocação ficou com Mark Webber, que deixa a categoria, e Fernando Alonso fechou o pódio em prova na qual a chuva só deu o tom na parte final.

A caminho da Williams, Felipe Massa se despede da Ferrari com um sétimo lugar, atrapalhado por um drive-through que lhe tirou a chance de fechar 2013 com um pódio na corrida em casa.

Vettel, desta vez, teve trabalho: o pole largou mal e foi ultrapassado por Nico Rosberg antes da primeira curva. No entanto, nem bem a segunda volta começou e o campeão voltou à liderança.

Mais tarde, na segunda parada nos boxes, a Red Bull demorou a colocar os pneus intermediários, e sua ampla vantagem para Webber ficou em apenas 5s. Nada que tenha assustado o jovem alemão, que administrou para ganhar pela 38ª vez na F-1, ficando a três triunfos de alcançar Ayrton Senna como o terceiro maior vencedor da história (Alain Prost tem 51, e Michael Schumacher, 91).

O atual tetracampeão, por sinal, igualou um recorde histórico de Schumacher conquistado em 2004: 13 vitórias em uma única temporada. Além disso, Vettel chegou a incríveis nove triunfos consecutivos, algo inédito em um Mundial, mas que Ascari conseguiu somando 1952 e 1953.

Com resultado da corrida em Interlagos, a Mercedes ficou com o vice-campeonato do Mundial de Construtores, vencido por antecipação pela Red Bull. A equipe alemã encerrou a temporada com 359 pontos, levando a briga com a Ferrari, terceira colocada, e a Lotus, dona da quarta posição.

No Mundial de Pilotos, Vettel ficou com 379 pontos com 137 de vantagem para Alonso, segundo colocado. A terceira posição do ano foi de Mark Webber.

A prova

O alemão Nico Rosberg conseguiu uma ótima largada e tomou a primeira colocação de seu compatriota Sebastian Vettel, mas seu período de liderança na corrida durou apenas uma volta, já que o piloto da Red Bull retomou a ponta na passagem seguinte pela reta dos boxes.
Felipe Massa também começou bem sua prova de despedida da Ferrari e pulou da nona para a sexta colocação. Alonso chegou a perder o terceiro posto para Lewis Hamilton, mas conseguiu retomar sua posição de largada. Ainda na quarta volta, o motor do francês Romain Grosjean estourou e o espanhol da Ferrari ultrapassou Rosberg para assumir a vice-liderança da corrida em Interlagos.

Ainda nos primeiros giros, Vettel abriu vantagem boa para o restante do pelotão em que a briga por posições foi intensa. Na 13ª volta, Webber conseguiu ultrapassar Alonso e deixou a Red Bull com as duas primeiras posições da prova em São Paulo.

Felipe Massa entrou nos boxes na 20ª volta, quando ocupava a quinta posição, e retornou à pista em nono. Vettel só parou para a troca de pneus no 25º giro, voltando à prova ainda na liderança.

O piloto brasileiro da Ferrari fazia boa corrida até sofrer uma punição por passar por cima da faixa que determina a entrada dos boxes. Na quinta posição novamente, ele foi para oitavo. Massa parou para colocar pneus duros na 44ª volta, com os quais foi até receber a bandeira quadriculada.

Então tranquilo na liderança, Vettel teve problemas em seu pit-stop, mas ainda assim seguiu com vantagem confortável para o resto do pelotão. A esperada chuva chegou a Interlagos a 15 voltas do fim, mas em baixa intensidade, permitindo que os pilotos seguissem com pneus para pista seca até o alemão da Red Bull receber a bandeira quadriculada e conquistar sua 13ª vitória em 2013.

Veja o resultado do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1:

1: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull)
2: Mark Webber (AUS/Red Bull)
3: Fernando Alonso (ESP/Ferrari)
4: Jenson Button (ING/McLaren)
5: Nico Rosberg (ALE/Mercedes)
6: Sergio Pérez (MEX/McLaren)
7: Felipe Massa (BRA/Ferrari)
8: Nico Hulkenberg (ALE/Sauber)
9: Lewis Hamilton (ING/Mercedes)
10: Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso)
11: Paul Di Resta (ESC/Force India)
12: Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber)
13: Adrian Sutil (ALE/ Force India)
14: Heikki Kovalainen (FIN/Lotus)
15: Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso)
16: Pastor Maldonado (VEN/Williams)
17: Jules Bianchi (FRA/Marussia)
18: Giedo van der Garde (HOL/Caterham)
19: Max Chilton (ING/Marussia)

Não completaram
Charles Pic (FRA/Caterham)
Valtteri Bottas (FIN/Williams)
Romain Grosjean (FRA/Lotus)

Comentários

Vettel supera sustos, vence no Brasil e iguala recordes históricos; Massa se despede da Ferrari com 7º lugar

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.