Por 'Memórias do Chumbo', Lúcio de Castro recebe prêmio Gabriel García Márquez na Colômbia

ESPN.com.br
'Memórias do Chumbo - O Futebol nos Tempos do Condor' conquista Prêmio Gabriel García Márquez

A série "Memórias do Chumbo - O Futebol nos Tempos do Condor", dirigido e produzido pelo repórter e comentarista dos canais ESPN Lúcio de Castro, venceu na noite desta quarta-feira o Prêmio Gabriel García Márquez, na Colômbia.

O evento, organizado pela FNPI (Fundación Nuevo Periodismo Iberoamericano) e inspirado no próprio Gabriel García Márquez, um dos grandes autores e jornalistas do século 20, teve a participação de um total de 1.379 trabalhos, de 30 países - 174 do Brasil.

Lúcio de Castro foi o ganhador na categoria Cobertura de Notícias, graças a reportagem que investigou, em quatro episódios (Argentina, Brasil, Chile e Uruguai), a relação entre o futebol e as ditaduras que comandaram os países sul-americanos durante parte do século passado.

Veja as chamadas do especial Memórias do Chumbo - Futebol nos Tempos do Condor

Durante a cerimônia, o escritor nicaraguense Sergio Ramírez falou em nome da Direção da FNPI, da qual é membro, e destacou que os prêmios foram entregues para "um jornalismo com coragem de investigar".

Além da entrega das honrarias nesta quarta, até o próximo 22 de novembro acontecerão mesas-redondas, oficinas e conferências em Medellín oferecidas por diversos jornalistas, como parte da festividades do Prêmio Gabriel García Marquez.

A equipe de "Memórias do Chumbo..." contou com Lúcio de Castro (roteiro e reportagem), Fabio Calamari (montagem), Rosemberg Faria e Luiz Ribeiro (imagens), Alexandre Valim e Andrei Oliveira (edição), Luis Alberto Volpe (narração) e Stela Spironelli (direção de arte).

Outros premiados

Na categoria de Crônica e Reportagem foi premiado o jornalista mexicano Alejandro Almazán pelo trabalho "Carta desde la Laguna", sobre a guerra entre os cartéis mexicanos do tráfico de drogas.

O peruano Esteban Félix foi o premiado na categoria de Imagem pelo trabalho "Azúcar amargo: la epidemia misteriosa", uma série fotográfica que documenta uma epidemia que já matou 24 mil pessoas em El Salvador e Nicarágua desde 2000.

O prêmio na categoria Inovação foi concedido para a colombiana Olga Lucía Lozano pelo chamado "Proyecto Rosa", uma iniciativa jornalística que acompanha a aplicação da Lei de Vítimas e Restituição de Terras na Colômbia.

O Prêmio de Excelência foi concedido à costarriquenha Giannina Segnini, editora da unidade de investigação do jornal "La Nación".

* com agência EFE