Repescagem pode classificar menor população e pior IDH da história para a Copa

Francisco De Laurentiis, do ESPN.com.br
Getty
Família anda de carroça em Burkina Faso
Família anda de carroça em Burkina Faso, país que pode ser o pior IDH da história em uma Copa do Mundo

Nesta terça-feira, serão definidas, através das repescagens na Europa e na África, mais seis seleções que virão ao Brasil para a Copa do Mundo de 2014. Uma das novidades pode ser Burkina Faso, que venceu a Argélia por 3 a 2 no jogo de ida, em casa, e depende apenas de um empate para ir ao seu primeiro Mundial. Caso se classifiquem, inclusive, os burquinenses serão o país mais pobre da história a se credenciar para uma Copa em todas as edições.

LEIA MAIS
Confira todas as notícias sobre a Copa do Mundo de 2014 na página da ESPN

Com um IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de 0.343, Burkina ocupa a 183ª posição na última lista da ONU (Organização nas Nações Unidas) e é a quinta pior nação para se viver no planeta, à frente apenas de Níger, República Democrática do Congo, Moçambique e Chade.

Getty
Jogadores de Burkina Faso comemoram gol com torcedores
Futebol é uma das poucas alegrias da miserável Burkisa Faso

O país tem renda per capita próxima de US$ 1.300 por ano, desemprego de 77%, taxa de alfabetização de 20% e sofre com problemas graves na área da saúde, segurança pública e saneamento básico.

90% da população burquinense vive à base da agricultura de subsistência, sempre dependente da "boa vontade" das chuvas. No total, 46.7% dos 17.812.961 habitantes na nação vivem abaixo da linha de pobreza.

Apesar disso, a seleção burquinense, que sempre foi um zero à esquerda no futebol africano, vem de bons resultados recentes, como o vice na Copa Africana de Nações 2013 - foi derrotada por 1 a 0 pela Nigéria na final, após eliminar a favorita Gana na semi. Nas eliminatórias, o time ficou em primeiro do grupo E, à frente de Congo, Gabão e Níger.

Na história, o pior IDH a ter disputado um Mundial foi o de Camarões, em 1982: 0.373. O Zaire (atual República Democrática do Congo) pode ter disputado a Copa do Mundo de 1974 com um índíce ainda menor, mas a ONU só computa dados a partir de 1980.

Menor população também pode vir à Copa

Além de Burkina, outra seleção também pode fazer sua estreia em Mundiais: a Islândia. Após empatar por 0 a 0 com a Croácia, em casa, a equipe busca a vitória ou uma nova igualdade (desta vez com gols) para vir ao Brasil. Caso confirme sua vaga, será o país menos populoso na história a ir a uma Copa.

Getty
Torcida da Islândia faz a festa durante jogo contra a Croácia
Torcida da Islândia faz a festa durante jogo contra a Croácia

Segundo medição divulgada pela CIA (Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos) no último mês de julho, a Islândia tem 315.281 habitantes, praticamente a mesma quantida de cidades brasileiras como Blumenau-SC, Petrolina-PE, Franca-SP e Ponta Gross-PR.

O número é tão baixo que, apesar do território islandês não ser grande coisa (103.001 km²), a densidade demográfica da ilha é de 3.1 hab/km².

O país menos populoso a participar de uma Copa do Mundo foi Trinidad e Tobago, em 2006, na Alemanha. À época, a nação caribenha tinha cerca de 1,3 milhões de habitantes.

A Islândia, aliás, é um dos poucos países do mundo na qual a taxa de crescimento populacional vem caindo - desde 2004, o número só diminui. Atualmente, nascem 13.15 novos islandeses para cada 1 mil habitantes.

Confira os jogos que podem classificar equipes inéditas para o Mundial:

Argélia x Burkina Faso
16h45 (horário de Brasília)
Estádio Mustapha Tchaker, em Blida (Argélia)

Croácia x Islândia
17h45 (horário de Brasília)
Estádio Maksimir, em Zagreb (Croácia)

Comentários

Repescagem pode classificar menor população e pior IDH da história para a Copa

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.