Após alfinetada de Valdivia, organizada reclama de falta de ingressos no Palmeiras

Francisco De Laurentiis, do ESPN.com.br

Na última quinta-feira, o meia Valdivia alfinetou as torcidas organizadas do Palmeiras, dizendo que, agora que elas pagam ingresso, têm direito a vaiar o time. Nesta sexta, porém, a Mancha Alvi Verde, principal torcida uniformizada da equipe paulista, reclamou que o clube do Palestra Itália não disponibilizou ingressos para a partida contra o Paraná, no próximo sábado, pela Série B.

Getty
Torcida do Palmeiras durante o jogo contra o Tigre, na Argentina
Mancha queria venda de ingressos em São Paulo

"A Mancha Alvi Verde demonstrou insatisfação com a diretoria do Palmeiras, que não disponibilizou a venda de ingressos em São Paulo para a partida de sábado contra o Paraná, em Curitiba. A organizada afirma que casos como estes têm se tornado habituais, mesmo com a torcida adversária oferecendo ingressos para serem comercializados na capital paulista com preços promocionais, como foi o caso do clube paranaense", escreveu a direção da Mancha, em comunicado.

Desde março deste ano, o presidente Paulo Nobre cortou o repasse de bilhetes gratuitos que o clube costumava fazer às uniformizadas em jogos internacionais, após a confusão no aeroporto de Buenos Aires, na Argentina. Na ocasião, torcedores arremessaram objetos contra atletas do Palmeiras, após derrota por 1 a 0 para o Tigre, pela fase de grupos da Copa Libertadores.

LEIA MAIS
Após confusão, Valdivia diz que não fará tratamento especial nas férias: 'Quero aproveitar e viajar'
Valdivia elogia gestão Nobre e comemora fim do vazamento de bastidores no Palmeiras
Na contagem do centenário, Palmeiras lança camisa para celebrar 99 anos

Em partidas nacionais, os torcedores organizados dependem do time alviverde disponibilizar em São Paulo os ingressos para os jogos fora de casa. Segundo apurou o ESPN.com.br, a equipe palestrina de fato não colocou bilhetes à venda contra o Paraná, já que teria que comprá-los da equipe curitibana para revender na capital paulista. Caso não conseguisse comercializar todas as entradas, teria que arcar com o prejuízo.

Francisco De Laurentiis/ESPN.com.br
Valdivia durante coletiva do Palmeiras
Valdivia alfinetou organizadas em entrevista na quinta

Também no comunicado, o presidente da uniformizada, Marcos Ferreira, afirmou que a atual postura da diretoria palmeirense atrapalha o seu torcedor: "É um absurdo não comercializar ingressos em São Paulo. O Palmeiras é um clube paulistano, assim como a maioria dos seus torcedores, principalmente aqueles que sempre viajam para acompanhar o time. A torcida se sente prejudicada", afirmou. 

Procurado, o Palmeiras afirmou que não irá se pronunciar sobre o caso.

Com o acesso à Série A já garantido, a equipe do Palestra Itália enfrenta o Paraná neste sábado, às 16h20 (horário de Brasília), em Curitiba, pela 33ª rodada da Série B.

Comentários

Após alfinetada de Valdivia, organizada reclama de falta de ingressos no Palmeiras

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.