Filho de Sócrates se apresenta no São Paulo e descarta volta de Lúcio

Lucas Borges, de São Paulo (SP), para o ESPN.com.br
Getty
Lúcio marca Ronaldinho Gaúcho em duelo com o Atlético-MG na Libertadores
Lúcio marca Ronaldinho Gaúcho em duelo com o Atlético-MG na Libertadores
O primeiro contato de Gustavo Vieira, novo gerente executivo do São Paulo, com a imprensa não teve nenhuma pompa e tampouco foi feito na sala de entrevistas do Centro de Treinamento da Barra Funda. O filho do ex-jogador Sócrates cumprimentou os jornalistas que assistiam à atividade comandada pelo técnico Paulo Autuori nesta terça-feira e brincou: "Hoje não é entrevista, estou só me apresentando."

LEIA MAIS:
Site faz contagem regressiva para rebaixamento do São Paulo
Julio Casares nega que diretoria do São Paulo tenha 'acordo' com torcida organizada

Gustavo, que é advogado, já trabalhava no clube analisando contratos de jogadores e foi anunciado para ser o dirigente remunerado do São Paulo no futebol. O cargo estava vago desde a saída de Marco Aurélio Cunha, em 2010. O Tricolor continua sem diretor de futebol com o abandono de Adalberto Baptista.

Apesar de não ter se alongado na conversa com os jornalistas, Gustavo falou sobre a situação do zagueiro Lúcio. O veterano está afastado há quase três semanas do time por problemas disciplinares. Com a saída de Rhodolfo para o Grêmio e as lesões de Edson Silva e Paulo Miranda, porém, especulou-se que Lúcio poderia voltar ao grupo.

O gerente são-paulino descartou. "O clube não conta com o Lúcio no elenco. Existem algumas opções que estudamos e uma delas é a rescisão de contrato."

O São Paulo tenta negociar o zagueiro, contratado neste início de ano depois de ser dispensado da Juventus. Caso não tenha sucesso em uma negociação o clube pode, como disse Gustavo Vieira, dispensá-lo.

Treino raro

Depois de dar folga nessa segunda-feira, Paulo Autuori pôde ensaiar com seu time nesta terça, coisa rara desde que voltou ao clube, há um mês. O técnico reclama da falta de tempo para treinar. Autuori fez um trabalho de dois toques em campo reduzido e em seguida ensaiou cruzamentos na área. "Alegria para trabalhar", pediu o comandante ao grupo, visivelmente abatido.

O São Paulo está há dez partidas sem vencer no Campeonato Brasileiro e ocupa o penúltimo lugar. O próximo compromisso é contra o Atlético-PR, nesta quinta, no Morumbi.

Sem zagueiros, o volante Rodrigo Caio deve ser novamente improvisado na defesa ao lado de Rafael Tolói, assim como aconteceu na derrota do domingo passado, para a Portuguesa. O lateral-direito Douglas, suspenso, deve ser substituído por Lucas Farias.

Comentários

Filho de Sócrates se apresenta no São Paulo e descarta volta de Lúcio

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.