21 anos depois, Flamengo volta a se unir à Adidas e mira exposição internacional

Pedro Henrique Torre para o ESPN.com.br
Depois de 21 anos, Adidas e Flame
Fernando A. Fleury
Flamengo/Adidas
Flamengo agora faz parte do top 5 da Adidas
ngo voltam a caminhar de braços dados. Após o acerto no fim de 2012, o milionário contrato da fornecedora de material esportivo alemã com o clube rubro-negro passa a vigorar nesta quarta-feira. A expectativa que cerca os torcedores tem mais a ver com a mística em torno da parceria, que teve seu auge durante a era de ouro do clube com a conquista da Libertadores, do Mundial e de quatro dos seis Brasileiros. Apesar da euforia, por enquanto a única mudança será legal. Até a estreia no Campeonato Brasileiro, no dia 26 de maio, contra o Santos, o Flamengo veste as camisas da Olympikus.

Durante os últimos dias, dirigentes da empresa vieram do exterior e estiveram reunidos com o vice-presidente de marketing do Flamengo, Luiz Eduardo Baptista, o Bap, para traçar planos da nova parceria. O lançamento oficial do novo manto sagrado será feito em meados de maio, quando a empresa planeja uma grande campanha para a retomada do amor com o clube. No pacote, planos de viagem para a disputa de torneios na Europa e internacionalização da marca. Ao lado de Bayern de Munique, Real Madrid, Milan e Chelsea, o Flamengo a partir desta quarta-feira faz parte oficialmente do seleto grupo denominado "top five" pela empresa alemã. 

"Poucos clubes podem ostentar uma dupla deste gabarito. Nós construímos uma história de muito sucesso lá atrás com a Adidas. Fomos campeões do mundo. Tivemos uma relação positiva. Em uma relação de dez anos podemos ter tudo menos pressa. Estamos trabalhando, vamos falar sobre detalhes mais à frente. Tem gente de fora (do país) discutindo tudo conosco", afirmou Bap. 

De acordo com o contrato, válido até 2023, o Flamengo receberá cerca de R$ 35,6 milhões
Reprodução Internet
Na internet já circulam possíveis modelos da camisa do Flamengo da Adidas
Na internet circularam possíveis modelos da camisa do Flamengo da Adidas 
 anuais, que podem variar de acordo com a conquista de títulos. Nos cinco primeiros anos de contrato, as conquistas valem:  Carioca (R$ 250 mil); Copa do Brasil (R$ 300 mil); Copa Sul-Americana (R$ 400 mil); Brasileiro (R$ 1 milhão), Copa Libertadores (R$ 1,5 milhão) e Mundial (R$ 800 mil). Após o sexto ano de acordo, os valores serão reajustados. A exposiçaõ internacional dada pela Adidas pretende ser aproveitada pelo Flamengo para valorizar ainda mais sua marca, principalmente na Europa. Mas os rubro-negros enfrentarão um problema: a falta de sincronia entre os calendários brasileiro e europeu. Na última semana, o clube recebeu convite para jogar dois amistosos no Velho Continente, mas teve de recusar para não perder três jogos do Campeonato Brasileiro. 

"Os convites já serão mais naturais, vamos ter que nos planejar, eventualmente como isso vai ser possível. Na medida que o calendário é conflitante com o europeu, não podemos decidir com apenas 30 dias de antecedência. Não adianta achar que vai fazer excursão na Europa. Não depende de Flamengo ou Adidas. Mas, sim, de um ajuste no calendário", disse Bap.  

Os modelos das novas camisas rubro-negras foram apresentadas no Conselho Deliberativo do clube, em dezembro, e agradaram. Além da tradicional rubro-negra e da branca, há uma terceira, preta, com detalhes como Maracanã e Corcovado. Símbolos do Brasil e do Rio, assim como o próprio Flamengo. 
Comentários

21 anos depois, Flamengo volta a se unir à Adidas e mira exposição internacional

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.