Por honra do hexa, Náutico quer aumentar crise do Sport

ESPN.com.br com Agência Gazeta Press
O clássico entre Sport e Náutico, marcado para este domingo, às 17 horas (de Brasília), na Ilha do Retiro, vale muito mais do que uma simples briga por posições no Campeonato Pernambucano. Único hexacampeão consecutivo do Estadual, feito que obteve entre 1963 e 1968, o Timbu espera impedir que o Leão repita o feito este ano, já que o rival vem de cinco conquistas consecutivas.

ACOMPANHE OS LANCES DA PARTIDA PELO ESPN.COM.BR/TEMPOREAL

A torcida do Náutico valoriza demais o fato de o time ser o único hexacampeão do estado, e costuma levar uma faixa ao estádio dos Aflitos com os dizeres "Hexa é luxo". Com o primeiro confronto contra o Sport neste ano se aproximando, o Timbu vive melhor fase do que o rival. Com 21 pontos, a equipe está na quarta colocação, sete pontos a frente do Leão. A equipe da Ilha do Retiro, aliás, vive momento turbulento, e está apenas na sétima colocação, com 14 pontos.

Para escalar a sua equipe, o técnico Roberto Fernandes terá a volta de quatro jogadores: o zagueiro Walter, o volante Éverton e os meias Eduardo Ramos e William. Em contrapartida, o lateral direito Peter está suspenso, por ter recebido o terceiro cartão amarelo contra o América-PE, na última rodada. Nesta posição, os volantes Elicarlos e Derley estão cotados para serem improvisados.

Pelo lado do Sport, uma vitória no clássico seria ideal para a equipe colocar fim à má fase. Depois de trocar o técnico Geninho por Hélio dos Anjos, a equipe da Ilha do Retiro quer se aproximar novamente do G-4 do Pernambucano. Vindo de duas derrotas para Santa Cruz (2 a 0) e Porto (1 a 0), o Leão conta com a experiência de Carlinhos Bala, que já atuou no rival.

"Um clássico é sempre definido no detalhe. Quem tiver mais detalhes a favor vai vencer. O professor Hélio teve uma boa conversa com o grupo, ele é um profissional competente, e vamos batalhar para, com o apoio da torcida, buscar a vitória no jogo", declarou o jogador.

Surpresa e líder do Pernambucano até aqui, o Central enfrentará o Vitória-PE, enquanto o vice-líder Porto, que também é de Caruaru, visitará o Petrolina. As duas partidas também serão às 17 horas (de Brasília).

No mesmo horário, o Santa Cruz, que caiu do primeiro para o terceiro lugar após ser derrotado pelo Central, no meio da semana, buscará a recuperação contra a Cabense, fora de casa.

Veja os jogos da 11ª rodada do Campeonato Pernambucano:

Domingo, às 17 horas (de Brasília):

Sport Recife x Náutico
Cabense x Santa Cruz
Salgueiro-PE x Ypiranga-PE
Petrolina x Porto-PE
Central x Vitória-PE
América-PE x Araripina

Comentários

Por honra do hexa, Náutico quer aumentar crise do Sport

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.