<
>

Tom Brady quebra marcas, Patriots passam fácil pelos Titans e vão a sétima final seguida da AFC

play
Saturday on Patriots: 'The discipline is phenomenal' (0:42)

Jeff Saturday says the Patriots' discipline and resiliency are the reason they are so successful. (0:42)

O New England Patriots está, mais uma vez, na final da AFC da NFL. Na noite deste sábado, os atuais campeões da liga não tiveram dificuldades contra o Tennessee Titans e venceram por 35 a 14, garantindo-se na sétima decisão de conferência consecutiva.

O principal nome da vitória foi Tom Brady, que se tornou o quarterback mais velho a iniciar e também vencer um jogo de playoffs na história da NFL. Aos 40 anos e 163 dias, ele se junta Brett Favre como os únicos QBs "quarentões" a atuarem na pós-temporada.

Brady acabou a partida com 337 jardas aéreas, completando 35 de 53 passes, e três touchdowns, sem nenhuma interceptação. Foi o décimo jogo de playoff da carreira do quarterback com três TDs, superando Joe Montana para deter o recorde no quesito.

O maior alvo de Brady foi Danny Amendola. Embora sem nenhum touchdown, o wide receiver esteve na mira do quarterback 13 vezes, conseguiu receber 11 passes (85%, terceiro melhor aproveitamento de um jogador da posição nos playoffs), para 112 jardas.

Quem saiu na frente no placar, contudo, foram os Titans, com touchdown de Corey Davis em passe de 15 jardas do quarterback Marcus Mariota. Dois TDs de James White, um correndo e outro recebendo, porém, viraram para os Patriots, que não perderam mais a frente.

Nos Titans, Mariota ainda passou para mais um touchdown (também de Davis), completou 22 de 37 lançamentos e teve 254 jardas aéreas - além de mais 37 terrestres, em quatro corridas. Nada, contudo, conseguiu impedir os Patriots de confirmarem o favoritismo.

Na decisão da AFC, os atuais campeões da NFL aguardam o vencedor do duelo entre Pittsburgh Steelers e Jacksonville Jaguars, que se enfrentam neste domingo, com transmissão, ao vivo, da ESPN e do WatchESPN a partir de 15h15 (horário de Brasília).

Será a sexta vez que os Patriots chegam para a final de conferência como donos da melhor campanha, tendo vencido todas as outras cinco anteriores. Em 2016, inclusive, os rivais foram os Steelers - 2014, 2011, 2007 e 2003 foram os outros anos.

Do outro lado da chave, na Conferência Nacional, o primeiro finalista é o Philadelphia Eagles, que venceu o Atlanta Falcons por 15 a 10 no sábado. A outra vaga sai de Minnesota Vikings x New Orleans Saints, às 19h30 (também de Brasília), ao vivo, na ESPN e no WatchESPN.