<
>

Russell Wilson aceita proposta do Seattle Seahawks e será jogador mais bem pago da história da NFL

play
NFL: Russell Wilson se empolga com possivel jogo no Brasil e reconhece paixão dos fãs: 'Eu adoraria' (0:39)

São Paulo apresentou três estádios para possivelmente receber uma partida da temporada regular (0:39)

Acabou a espera. Na madrugada de segunda para terça-feira, o quarterback Russell Wilson fechou um contrato de quatro anos e 140 milhões de dólares (cerca de R$ 545 mi) com o Seattle Seahawks que faz dele o jogador mais bem pago da NFL.

O acordo de Wilson com os Seahawks ainda tem um bônus de 65 milhões de dólares (R$ 253,2 mi).

Com os quatro anos somados ao seu contrato, Wilson, de 30, tem vínculo com a franquia de Seattle até 2023.

Além de ser o maior salário anual de todos os tempos - US$ 35 milhões por temporada -, o bônus pago ao quarterback dos Seahawks também estabelece um novo recorde. Ambas as marcas antigas eram de Aaron Rodgers, do Green Bay Packers, que, em 2018, assinou por US$ 33,5 milhões anuais e um bônus de US$ 57 milhões.

O acordo de Wilson ainda inclui uma cláusula que dá ao quarterback o poder de negar uma troca - a chamada no trade clause.

Durante a noite, Wilson, já deitado para dormir ao lado da esposa Ciara, publicou um vídeo em sua conta no Twitter confirmando que havia fechado o contrato com o time;

"Seattle, temos um acordo. Vamos, Hawks. Mas vejo vocês pela manhã. É hora de dormir", disse ele.

O contrato foi fechado depois de quatro dias de negociações entre os Seahawks e Mark Rodgers, empresário do jogador. WIlson chegou a informar que Seattle que gostaria de um contrato com "reajuste anual" e que não iria mais conversar caso não recebesse a proposta até a meia-noite de segunda para terça-feira.

Apesar do entrave, ele esteve nos primeiros treinamentos do time para a temporada, que ainda são voluntários.

Wilson foi cinco vezes escolhido para o Pro Bowl e era o titular no único Super Bowl vencido na história da franquia - o XLVIII, contra o Denver Broncos, em 2014.