<
>

NFL: Técnico motiva New Orleans Saints com troféu de campeão da NFL e quase R$ 1 milhão em dinheiro vivo

O New Orleans Saints entra em campo no domingo para encarar o Philadelphia Eagles na semifinal da Conferência Nacional dos playoffs da NFL.

Mas antes do jogo, que terá transmissão da ESPN e do WatchESPN às 19:30 (de Brasília), o treinador Sean Payton decidiu motivar seus atletas de uma forma... curiosa.

Ao lado de três seguranças armados, ele chegou em uma reunião dos Saints com cerca de 250 mil dólares (R$ 920 mil), o Troféu Vince Lombardi e um anel de Super Bowl.

O dinheiro representa quanto os jogadores de New Orleans ganharão de bônus durante os playoffs caso cheguem à grande decisão - de acordo com o acordo coletivo da liga, 201 mil dólares (R$ 740 mil).

"Os caras ganham bem aqui. Mas não é sempre que você vê 250 mil dólares na sua frente", disse o running back Mark Ingram. "Ver o troféu do lado, o anel logo na frente, os seguranças armados. Foi bem maneiro. Mas ainda temos que ir para o campo fazer o que sabemos fazer."

Payton já usou táticas parecidas em 2009, ano do título dos Saints - mas, na época, o time só tinha três jogadores que estão no elenco atual. Desta vez, a estratégia do treinador vazou nas redes sociais e foi confirmada pelos atletas.

"Sabemos o que está em jogo", disse o defensive end Alex Okafor. "Ver o troféu do Super Bowl, o dinheiro... se você não está pronto para jogar depois disso, então não precisamos de você."

O técnico é conhecido por ser criativo na forma como trata situações como estas. Ele já espalhou ratoeiras pelo prédio para alertar seus jogadores a não 'comerem o queijo', se vestiu de Bill Belichick para tirar sarro de avaliações de especialistas feitas sobre os próprios jogadores dos Saints e chegou a levar mascotes das faculdades para encontrar os atletas.

"Foi algo com a cara de Sean, achei muito legal", falou o defensive tackle Tyeler Davison.