<
>

No último segundo, Hornets superam Raptors com cesta do meio da quadra

E a temporada de 2018/2019 da NBA segue espetacular. Jogos de tirar o fôlego, recordes quebrados, performances inesquecíveis e, é claro, lances absurdos. Um destes aconteceu na noite deste domingo, quando o Charlotte Hornets venceu o Toronto Raptors com uma cesta “espírita”, do meio da quadra, no estouro do cronômetro. No Air Canada Center, o placar foi de 115 a 114.

Boa atuação coletiva dos Hornets, que contaram com sete jogadores pontuando em duplos dígitos. Destaque para os 20 pontos do pivô Dwayne Bacon e do quase triplo-duplo do armador Kemba Walker, que deixou a quadra com 15 pontos, oito rebotes e 13 assistências, além de quatro roubadas de bola.

Pelo lado dos anfitriões, Kawhi Leonard foi, mais uma vez, o grande nome do jogo. Foram 28 pontos para ele, que também pegou nove rebotes. Os pivôs Pascal Siakam e Marc Gasol, com 23 e 17 pontos, respectivamente, também tiveram boas participações.

Pelo basquete apresentado no primeiro quarto, os Raptors deram a entender que sairiam com mais uma vitória no Canadá. No entanto, os Hornets se recuperaram do início ruim e tiraram a diferença de 12 pontos dos adversários, assumindo a dianteira do placar já na metade do segundo quarto. Até o último período, o domínio foi total dos visitantes, que chegaram a abrir 14 de frente.

Contudo, uma queda brusca de ritmo, somada à boa atuação da dupla Leonard e Siakam, deixou tudo igual a poucos minutos do fim. A três segundos do cronômetro zerar, a bola era do time da Carolina do Norte, que perdia por dois pontos (114 a 112). Foi então que brilhou a estrela de Jeremy Lamb. A jogada planejada não deu certo e a bola ficou com o ala no meio da quadra. Sem tempo, ele jogou de onde estava e, com extrema felicidade, acertou um arremesso quase impossível. Vitória dos Hornets: 115 a 114.

Mesmo com o resultado, o Toronto Raptors segue na vice-liderança da Conferência Leste, já garantido nos playoffs, com 55 vitórias e 23 derrotas até o momento. O Charlotte Hornets, por sua vez, segue na briga por uma vaga na pós-temporada, somando 34 triunfos e 39 reveses até agora. A distância é de apenas duas vitórias para o Miami Heat, oitavo colocado, que ocupa, no momento, o último posto para a segunda fase da temporada.