<
>

NBA: Time LeBron do All-Star não será facilmente transformado no Los Angeles Lakers do futuro

A década da NBA começou com uma decisão histórica.

LeBron James chegou no Miami Heat para jogar com o amigo - assim como Chris Bosh -, e marcou o começo de um dos times mais fortes da história do esporte.

Desde então, o vai e volta de jogadores transformou a formação de supertimes em algo comum.

Por isso a repercussão foi tão grande quando LeBron montou seu time para o All-Star Game de 2019 - com vários jogadores que já foram ligados, por rumores, com o Los Angeles Lakers.

Foi o que transformou o Team LeBron em Team Tampering. Em um bom português, o "Time Aliciamento".

De Anthony Davis a Kevin Durant. De Kyrie Irving a Kawhi Leonard. Klay Thompson a Damian Lillard. Não importa quem estivesse na quadra ao lado de LeBron, os fãs dos Lakers só poderiam estar sonhando com o futuro.

Mas será mesmo que o Time Aliciamento pode se tornar realidade, e não apenas uma fantasia de All-Star Weekend? Examinando as principais situações, encontramos as dificuldades que podem acabar com a esperança da torcida dos Lakers.

Kevin Durant

Vamos começar com Durant, a primeira escolha do draft do All-Star e um dos poucos que podem concorrer com LeBron pelo título de melhor jogador do mundo do basquete.

A questão é que o próprio Durant já falou sobre jogar com LeBron, em um texto publicado pelo portal Bleacher Report, em dezembro.

"As pessoas se empolgam muito com a ideia de estar ao lado de LeBron. Ele tem muitos fãs na imprensa. Até mesmo de repórteres. Nós só estamos jogando basquete aqui, e muitas vezes nem falam de basquete. A culpa não é do LeBron. Mas ele tem tantos fanáticos na mídia... Só saiam da frente e nos deixem jogar basquete."

Deixando de lado as críticas de Durant à imprensa, é difícil imaginar como ele pode parar em Los Angeles. Se deixar o Golden State Warriors, existe a ideia de que seu destino seria o New York Knicks.

Kyrie Irving

Mas e o Kyrie?

Ele e LeBron voltaram a se falar depois de uma ligação recente, algo que o próprio armador revelou durante entrevista em dezembro.

Isso, aliado aos rumores de que Irving não está feliz no Boston Celtics e à mudança no discurso de que ele iria renovar seu contrato, só faz com que as questões sobre seu futuro só aumentem.

Mesmo assim, os Celtics acreditam que Irving ficará em Boston - principalmente se eles conseguirem uma troca por Anthony Davis.

Mas se isso não acontecer - ou se Irving simplesmente decidir ir embora -, os Knicks também são considerados um destino mais provável do que os Lakers.

Anthony Davis

Quando o New Orleans Pelicans decidiu não trocar Davis, as chances dos Lakers diminuíram drasticamente. Agora, os Celtics podem fazer ofertas tão boas como a do time de LeBron e Magic Johnson.

O único time - além de Boston - que pode fazer barulho nas conversas pelo ala-pivô é o New York Knicks. Mas só se eles conseguirem uma das primeiras escolhas do draft e, assim, uma chance com Zion Williamson.

Se isso acontecer, talvez Durant, Irving e Davis acabem indo, juntos, para Nova York.

Kawhi Leonard

Kawhi deve ficar em Toronto nos próximos anos - ao contrário do que se pensava quando ele foi trocado pelo San Antonio Spurs para os Raptors.

Mas se ele quiser voltar para casa, na Califórnia, há um outro time que joga no Staples Center - os Clippers - e que é o grande favorito.