<
>

Rockets atropelam Warriors com show de coadjuvantes e empatam final do Oeste na NBA

Depois de perder o jogo de estreia da final da Conferência Oeste da NBA em casa, o Houston Rockets voltou ao Toyota Center nesta quarta-feira e mostrou sua força ao vencer o Golden State Warriors por 127 a 105.

Com este resultado, a série melhor de 7 jogos agora está empatada em 1 a 1. O jogo 3 acontece no domingo, com a série se mudando para Oakland, na casa dos Warriors.

Apesar dos 27 pontos e 10 rebotes de James Harden e 16 pontos e 6 assistências de Chris Paul, os coadjuvantes dos Rockets foram determinantes na vitória: PJ Tucker (22 pontos), Trevor Ariza (19 pontos) e Eric Gordon (27 pontos).

Pelo lado dos Warriors, Kevin Durant fez 38 pontos, Stephen Curry anotou 16 pontos e ninguém fez mais do que 8 no resto do time.

O jogo começou bastante equilibrado. Os Warriors elencaram o seu mais famoso quinteto titular, composto por Curry, Thompson, Durant, Draymond Green e Iguodala. Entretanto, a incomum ineficiência da equipe californiana nos arremessos de três pontos permitiu que os donos da casa abrissem uma ligeira vantagem para o período seguinte, com 26 a 21 no placar.

Nele, os mandantes aumentaram a vantagem. Contando com um rápido ritmo ofensivo em geral, aliado com presença defensiva constante e boa atuação de PJ Tucker, decisivo nos longos chutes, os Rockets foram para o intervalo com uma liderança confortável no marcador: 64 a 50.

O terceiro quarto da partida foi o mais acirrado. Ainda assim, os Rockets voltaram a levar a melhor, com um triunfo por 31 a 29 na parcial.

No último quarto, com o Golden State Warriors se lançando à frente para tentar enfim se reabilitar, os donos da casa não deram margem para a virada.

A equipe de Steve Kerr busca o seu terceiro título nos últimos quatro anos, enquanto o clube de Houston quer figurar em uma final de NBA pela primeira vez desde 1995.