<
>

Derrick Rose acerta com o Minnesota Timberwolves e reeditará parceria com ex-treinador do Chicago Bulls

Um mês.

Foi este o tempo que Derrick Rose passou sem ter um time na NBA. Mas a espera do armador acabou. Nesta quinta-feira, ele entrou em acordo com o Minnesota Timberwolves para assinar um contrato até o final da temporada 2017-18.

A informação foi apurada pelo repórter Adrian Wojnarowski, da ESPN.

Rose, que começou a temporada com o Cleveland Cavaliers, foi trocado para o Utah Jazz no dia 8 de fevereiro. Ele foi oficialmente dispensado pelo time sem sequer entrar em quadra. Agora, o armador poderá reeditar a parceria com Tom Thibodeau, treinador que comandou o Chicago Bulls durante o auge do então camisa 1.

Rose e Thibodeau estiveram juntos entre 2009 e 2015 em Chicago. Juntos, eles protagonizaram os melhores times da franquia desde a era Michael Jordan. Em 2010-11 e 2011-12, os Bulls da dupla tiveram a melhor campanha de toda da NBA. Em 2011, inclusive, Rose foi MVP de uma equipe que perdeu apenas nas finais da Conferência Leste para o Miami Heat de LeBron James, Dwyane Wade e Chris Bosh.

Anos depois, a carreira de Rose virou de cabeça para baixo. As lesões atrapalharam, e o armador perdeu espaço na liga. Nas últimas semanas, ele havia recebido apenas ofertas para contratos de 10 dias.

Em Minnesota, além de reencontrar Tom Thibodeau, Rose jogará novamente com Jimmy Butler - que se recupera de lesão -, Taj Gibson e Aaron Brooks.