<
>

Michael Phelps revela dramas que o atingiram durante sua depressão

28 medalhas olímpicas e o título de maior atleta das Olimpíadas da história fizeram do americano Michael Phelps uma lenda antes dos 30 anos de idade. Mas todas essas conquistas não impediram o nadador de sofrer com depressão e lutar pela sua saúde mental durante sua gloriosa carreira. Phelps falou sobre seu drama com o astro da NBA, Kevin Love, no programa “Locker Room Talk”, do jogador dos Cavaliers.

O dono do recorde de medalhas de ouro em Olimpíadas já havia revelado esses problemas, mas fez declarações fortes na segunda-feira (5). “Eu estava preparado para ser esse atleta, essa pessoa e depois de um tempo eu cheguei ao ponto em que eu não gostava de ser assim. Eu queria ser quem eu sou e isso me levou a um ponto tão baixo que eu não queria estar vivo”.

“Você pode ser o homem mais forte no mundo e ainda assim você vai continuar tendo estes problemas. E isso aconteceu comigo”. O americano ainda completou que tenta usar sua voz para alertar e ajudar quem passa por problemas com a depressão. “Eu não quero que meus medalhas definam quem sou eu? Ter a possibilidade de salvar uma vida é melhor do que ganhar uma medalha de ouro. ”