<
>

UFC: McGregor é preso nos Estados Unidos por pisotear celular de fã

Conor McGregor acrescentou mais uma linha à sua extensa lista de problemas. Irlandês foi preso nesta segunda-feira em Miami (EUA) por derrubar e pisotear o celular de um fã. As informações foram publicadas pelo jornal Miami Herald e confirmadas pela ESPN.

Segundo a polícia local, McGregor se envolveu em uma confusão por volta das cinco da manhã, quando deixava uma casa noturna. Um fã caminhava em seu lado e tentou tirar uma foto. O irlandês tirou o celular da mão do fã, o jogou no chão e o pisoteou várias vezes. O aparelho era avaliado em cerca de US$ 1.000 (R$ 3,8 mil). Tudo isso foi captado pelas câmeras de segurança.

McGregor não foi preso na hora. A polícia de Miami investigou o caso durante o dia e depois acabou detido durante a tarde.

O time de McGregor avisou que não comentaria o caso. O advogado Samuel Rabin disse em nota que seu cliente “havia se envolvido em uma pequena confusão envolvendo um celular, o que causou a chamada de policiais”. Também disse que o irlandês se colocava totalmente à disposição para esclarecer o caso.

Na noite de segunda, após pagar fiança de US$ 12,5 mil (R$ 47 mil), o irlandês foi liberado da prisão, mas terá que ser julgado no futuro pelo caso.

Há quase um ano, McGregor já havia sido preso nos Estados Unidos, mas em Nova York, onde atacou um ônibus de lutadores do UFC, jogando objetos e quebrando janelas. Ele acabou condenado a três dias de cursos de controle de raiva e a cinco dias de trabalho comunitário.