<
>

Dana White se empolga com Anderson x Adesanya e dá bônus de R$ 185 mil para cada: 'Como um filme de kung-fu'

Anderson Silva não venceu em seu retorno aos octógonos, mas pôde se contentar em dar o tão esperado show aos seus fãs. E deixou até o chefão Dana White animado. Tanto é que levou para casa, junto com Israel Adesanya, obônus pela melhor luta da noite: US$ 50 mil (R$ 185 mil) para cada um.

“Aquele primeiro round foi como um filme de kung fu. Foi uma luta muito divertida de assistir. São dois caras muito talentosas. Qualquer cara que coloque Anderson como azarão 7-1 é completamente louco. Ele é um veterano muito esperto, com poder de nocaute e faixa-preta em jiu-jitsu. As pessoas são loucas”, disse Dana, elogiando Anderson.

“É divertido ver dois caras supertalentosos lutarem do jeito que lutaram. Anderson sempre quis lutar com um clone dele e eles realmente se parecem. O show, o talento, o jeito que lutam... A gente realmente viu isso no primeiro round”, completou.

Foi o quinto prêmio de Anderson pela melhor luta em um evento no UFC. Ele ainda tem mais dois bônus por finalizações e sete por nocautes. Com 14 prêmios no total, ele só fica atrás na história de Donald Cerrone (16), Nate Diaz (15) e Joe Lauzon (15).

Os outros dois prêmios de performance da noite foram para Devonte Smith, que nocauteou Dong Hyun Ma, e Montana De La Rosa, que finalizou Nadia Kassem.