<
>

Pato e Marreco empatam em Clássico das Penas pela Liga Futsal

Um dos jogos de maior rivalidade do futsal brasileiro, o Clássico das Penas movimentou a Liga Nacional de Futsal neste sábado e acabou empatado. Em Pato Branco, no Paraná, o Pato recebeu o Marreco e saiu de quadra com empate por 2 a 2. Pequeno e Neguinho marcaram para o time da casa, enquanto Juninho e Douglas marcaram para os visitantes.

Antes do jogo, o Ginásio Municipal Dolivar Lavarda foi palco de um minuto de silêncio em homenagem a Isildo Fabiano Bianchi da Silva. O árbitro de 44 anos passou mal durante um jogo da Liga Paulista de Futsal entre São Carlos e Taubaté e acabou falecendo no hospital em decorrência de parada cardiorrespiratória.

O primeiro tempo do jogo teve mais cartões vermelhos do que gols. O Pato abriu o placar aos sete minutos com Pequeno antes de perder dois jogadores por expulsão. Aos 14, após confusão em quadra, Chimba e Vilian foram expulsos pelo time da casa, enquanto Sales foi expulso pelo Marreco, que aproveitou e empatou o duelo aos 16 minutos em gol de Juninho.

No segundo tempo, o Marreco marcou logo aos dois minutos com Douglas e virou a partida em Pato Branco. No entanto, aos oito, Neguinho empatou o jogo novamente em jogada individual. Nos minutos finais, o Pato buscou a vitória, mas parou em grande atuação do goleiro Kinzinho, que segurou o empate de 2 a 1.

Com o resultado, as duas equipes continuam na parte intermediária da tabela da Liga Futsal. O Pato é o sexto colocado da competição com seis pontos, enquanto o Marreco é o 11º com cinco.