<
>

Festa de jogadores na Colômbia acaba em tragédia com morte de atacante

O jogador de futebol colombiano Alejandro Peñaranda Trujillo, do Cortuluá-COL, foi assassinado a tiros durante madrugada desta sexta-feira, em Cali, na Colômbia. Heissen Izquierdo, companheiro de equipe, também foi alvejado e foi transportado para o hospital com vários ferimentos.

A polícia diz que o homem que assassinou o atacante de 24 anos chegou a festa na casa de Cristian Borja, lateral esquerdo do Toluca, do México, e perguntou por uma mulher antes de atirar nos atletas.

"Os fatos foram reportados na madrugada desta sexta-feira por volta da 00h40 (horário local). Estavam vários jogadores de futebol numa festa quando chegou um homem a perguntar por uma mulher. Segundos depois saltou as grades e começou a disparar contra os jovens, deixando um morto e um ferido com vários ferimentos de balas", disse Hugo Casos, general da Polícia Metropolitana da Colômbia, em declarações à imprensa.

"Estamos a trabalhar com a Polícia Geral da Nação e estamos a tentar saber quais são os motivos deste assassinato", completou Casos.

Peñaranda morreu devido aos ferimentos dois feridos. Ele jogou no Atlético Nacional-COL e no América de Cali.