<
>

Real Madrid supera Barcelona e Manchester United e volta a ter a marca mais valiosa do futebol

Mesmo sem ter vencido qualquer título nesta temporada, o Real Madrid desbancou o Manchester United e voltou ao topo do ranking das 50 marcas mais valiosas do futebol mundial, algo que não ocorria desde 2010.

De acordo com o estudo da consultoria britânica de valor de marcas Brand Finance, divulgado nesta quinta-feira, o clube merengue foi avaliado em 1,646 bilhão de euros, quase R$ 7,4 bilhões, um crescimento de 26,9% em relação ao ano anterior.

Em terceiro lugar ficou o Barcelona.

Completam o ranking Bayern de Munique, Manchester City, Liverpool, Chelsea, PSG, Arsenal e Tottenham. A maior surpresa da lista foi a ausência da Juventus, que contratou Cristiano Ronaldo na temporada anterior.

O Real foi o primeiro do mundo a superar a marca de 750 milhões de euros (mais de R$ 3,36 bilhões) em receitas na temporada 2017/18.

"O Real Madrid mostrou este ano que realmente reina supremo no mundo do futebol. Eles triunfaram não só como a marca mais valiosa e forte, mas o valor de empresa e estádio também estão em segundo lugar. O clube de maior sucesso na história do futebol europeu finalmente está colhendo os benefícios de décadas de performances espetaculares dentro e fora de campo" disse Bryn Anderson, diretor da Brand Finance.

A Premier League ainda é liga nacional de futebol mais procurada no mundo. No ranking mostrado estão 17 clubes ingleses, que dominam cerca de 43% do mercado.

Manchester United, Manchester City, Liverpool , Chelsea, Arsenal e Tottenham estão entre os 10 mais bem colocados na lista. Uma das maiores surpresas é o Wolverhampton, que ficou no 28º posto, à frente de clubes que venceram a Champions League como Ajax e Celtic, além do Sevilla, campeão da Liga Europa.

Além disso, foi divulgado o ranking das marcas mais fortes. O Real Madrid voltou ao topo, deixando o rival Barcelona para trás. Nesta lista, a Juventus desbancou o PSG.