<
>

Bale rejeita possível volta ao Tottenham e não tem pressa para deixar o Real Madrid, diz jornal

Segundo o jornal Mirror, o atacante Gareth Bale, do Real Madrid, rejeitou qualquer chance de voltar ao Tottenham, time que o impulsionou ao estrelado, na próxima janela de transferências.

O galês já foi avisado que é carta fora do baralho na equipe merengue para a próxima temporada, mas, de acordo com o diário, não tem qualquer pressa em sair do clube blanco e só o fará se receber proposta de algum outro gigante europeu - ou seja, descarta ir para a China.

Vender Bale é um dos principais objetivos do Real para abrir espaço na folha salarial para a chegada de dois reforços de peso: o meia Paul Pogba, do Manchester United, e o meia-atacante Eden Hazard, do Chelsea.

Na semana passada, o The Sun revelou que a equipe de Madri cogita até mesmo colocá-lo para jogar no Real Madrid Castilla, sua equipe B, na 3ª divisão espanhola (ou 2ª, caso o time consiga o acesso nesta temporada) se o britânico se recusar a ser negociado.

Ainda segundo o jornal, a diretoria blanca ficou "furiosa" depois que o agente de Bale, Jonathan Barnett, afirmou que o jogador está "feliz" em Madrid e tem a intenção de cumprir seu contrato, que vai até 2022.

"Não sei se o sr. Zidane quer que ele fique, mas, no momento, Gareth quer ficar. Ele ficaria alegremente até o final de seu contrato, em 2022", salientou o empresário.

Na visão do Real, Barnett vem atrapalhando os planos merengues, já que, quando é sondado por clubes da Premier League sobre os custos da transferência de Bale, já afirma de cara que são altíssimos, afastando possíveis interessados.

Enquanto isso, os madrilenhos procuram compradores na Europa e também na China.

Uma outra ideia é tentar emprestar o galês, inclusive ajudando a pagar seu salário de R$ 2,568 milhões por semana. Tudo para se livrar de uma vez do atleta, que está fora dos planos do técnico Zinedine Zidane.