<
>

Ajax que Flamengo se gaba de ter vencido nos pênaltis só tinha 9% do time titular que brilha na Champions

play
Mauro diz que trabalho de Abel no Flamengo é 'desastroso' e critica 'desmanche deliberado': 'Hoje, não tem qualificação profissional para ser técnico de um grande time' (3:38)

Comentarista analisou momento do clube após derrota para o Internacional (3:38)

Nesta sexta-feira, o Flamengo causou furor nas redes sociais ao se gabar, em nota oficial, de ter sido campeão da Florida Cup, em janeiro desta ano, "superando um dos possíveis finalistas da Champions League" - no caso, o Ajax, que está na semifinal e muito perto de alcançar a decisão.

Na ocasião, em 10 de janeiro, o Fla empatou por 2 a 2 com o time holandês e levou a melhor por 4 a 3 nos pênaltis, levantando o troféu do torneio amistoso, realizado anualmente nos Estados Unidos.

No entanto, o Ajax jogou a Florida Cup com uma formação quase totalmente reserva. Prova disso é que, dos atletas que enfrentaram os cariocas, poucos estiveram no duelo contra o Tottenham, na última terça-feira, em Londres, pelo jogo de ida da semi da Champions.

Confira as escalações abaixo:

AJAX x FLAMENGO: Lamprou; Kristensen, Schuurs (Veltman), Magallán e Sinkgraven (Bakker); Eiting (Jensen), Gravenberch (De Witt) e Labyad; David Neres (Ekkelenkamp), Huntelaar (Traoré) e Cerny (Lang)

TOTTENHAM x AJAX: Onana; Veltman, De Ligt, Blind e Tagliafico; Schone (Mazraoui), De Jong e Van de Beek; Ziyech (Huntelaar), David Neres e Tadic

Ou seja: estiveram presentes contra o Flamengo e contra o Tottenham apenas o defensor Veltman e os atacantes David Neres e Huntelaar, sendo que só o brasileiro foi titular nas duas partidas. Já o rodado centroavante entrou no 2º tempo contra os Spurs, enquanto Veltman ingressou na etapa complementar no amistoso nos Estados Unidos.

Logo, só 9% do time titular que brilha atualmente na Champions esteve em campo na Flórida.

Os atletas que atuaram contra o Fla, por sua vez, são na maioria garotos e reservas pouco utilizados. Muitos sequer completaram 10 partidas oficiais em 2018/19.

Bakker (18 anos), por exemplo, só fez duas partidas oficias na temporada; Cerny, de 21 anos, disputou três jogos; o zagueiro Magallán, de 25, atuou apenas quatro vezes; o goleiro Lamprou, de 27, fez meros cinco duelos, mesmo número do meia Ekkelenkamp, de 19 anos. Já o lateral Sinkgraven, 23 anos, pisou o gramado somente nove vezes na temporada.