<
>

Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos: Compare os números do dinheiro dos grandes paulistas

play
Brasileirão: Futebol Na Veia elege favoritos ao título e times que vão brigar por Libertadores (2:46)

Palmeiras, Cruzeiro, Grêmio e Flamengo vão brigar pela taça, enquanto Inter, Corinthians, São Paulo, Athletico e Santos disputarão vaga na competição sul-americana. Concorda? (2:46)

Nos últimos dias, os quatro grandes paulistas (Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos) divulgaram seus balanços financeiros relativos ao ano fiscal de 2018.

Destes, dois tiveram superávit: o Verdão e o Tricolor.

Já Timão e Peixe fecharam a temporada com déficit, sendo o do clube praiano o mais preocupante: R$ 77 milhões.

Os números ainda mostram que o Palmeiras teve disparada a maior receita total e também a maior com futebol, sendo seguido por Corinthians e São Paulo.

O Santos, por sua vez, é a 4ª força no aspecto financeiro, como mostram os números da tabela abaixo:

Entre as receitas, o Coringão se destacou por conseguir R$ 197,756 milhões em direitos de TV.

O Alviverde e o Tricolor, por sua vez, receberam montantes muito semelhantes.

Na arrecadação com bilheteria e também com patrocínio/publicidade, o Palmeiras deu uma verdadeira "goleada" nos rivais, como mostra a tabela.

Além disso, o clube do Palestra Itália também liderou a receita com venda de jogadores, derrubando o São Paulo, famoso pelas boas vendas que faz, principalmente com atletas das categorias de base.

No campo das despesas, o Verdão foi o clube mais gastão do quarteto no geral, com R$ 516,966 milhões.

A folha salarial mais alta (sem contar direitos de imagem), porém, foi a do Corinthians, com R$ 178,516 milhões.