<
>

Éverton Ribeiro garante Flamengo focado na Copa Libertadores

play
Maurício chama atuação do Flamengo de 'inaceitável', e Nicola diz que demitiria Abel em uma possível eliminação na Libertadores (0:47)

Clube perdeu para a LDU na última quarta-feira e precisa de vitória na última rodada contra o Penãrol (0:47)

A delegação do Flamengo desembarcou no Rio de Janeiro na tarde desta quinta-feira trazendo na bagagem a derrota de 2 a 1 para a Liga Deportiva Universitaria, a LDU do Equador, pela Copa Libertadores. Apesar de estar na liderança do seu grupo, a equipe não pode perder para o Peñarol na última rodada, dia 8 de maio, no Uruguai, sob pena de terminar eliminado.

Na chegada ao Rio de Janeiro os jogadores se mostraram cientes da responsabilidade.

“A gente desejava voltar para casa com a classificação garantida, pois entendemos que tínhamos condições para isso, principalmente por que conseguimos abrir o placar e tivemos chances de ampliar", disse o meia Éverton Ribeiro.

"Mas não podemos mudar o que aconteceu e agora precisamos pensar no Campeonato Brasileiro, já que todos aqui estão cientes do que representa a Libertadores e do que precisamos fazer na última rodada.”

O meia Diego pensa de maneira parecida. “Todos aqui sabem o peso que a Copa Libertadores tem para o Flamengo e da responsabilidade do elenco”, ressaltou.

O elenco do Flamengo volta aos treinos nesta sexta-feira, quando se prepara para a estreia no Campeonato Brasileiro, prevista para este sábado, às 21h (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro, contra o Cruzeiro. O jogo vai marcar a despedida do zagueiro Juan do futebol. A tendência é que o técnico Abel Braga poupe alguns titulares neste compromisso.