<
>

Técnico do Manchester United diz que não sabe se jogadores 'se importam' após goleada

O técnico Ole Gunnar Solskjaer admitiu que não sabe se todos os jogadores do Manchester United se importaram o suficiente após a goleada de 4 a 0 sofrida diante o Everton, no último domingo.

“Eu não sei”, respondeu o treinador, que na sexta-feira já havia afirmado que alguns jogadores do elenco precisavam “cair na real”.

“Você tem que perguntar para ele. Eu perguntei, você não vai ter essa resposta por mim, mas se você quer jogar neste clube isso tem que significar mais”, continuou.

“Nós não podemos mudar o elenco todo. Um passo de cada vez. Eu serei bem-sucedido aqui e existem jogadores que não farão parte disso”, completou.

Foi a sexta derrota em oito jogos da equipe do United, que fica em situação complicada na busca de uma vaga na Champions League. Nas quatro rodadas que restam até o fim da Premier League os Red Devils terão confrontos contra Manchester City e Chelsea no Old Trafford.

Solskjaer pediu desculpas aos torcedores que viajaram até o Goodison Park e continuaram cantando durante os 90 minutos, apesar da maior derrota do clube no Inglês desde 2016. Agora ele terá poucos dias para arrumar o time antes do clássico de Manchester, já nesta quarta-feira.

“Este é o maior incentivo que podemos ter, Old Trafford, em casa, em frente aos nossos fantásticos torcedores. Eles foram inacreditáveis de novo e eles nunca vaiaram nossos jogadores, o que poderiam ter feito. Eles apoiam e tenho certeza que estarão lá na quarta-feira de noite”, afirmou.