<
>

Santos não desiste e oferece contrato de produtividade a Ricardo Oliveira

play
Santos: Felipe Aguilar não se considera titular absoluto e festeja momento positivo (0:56)

O zagueiro colombiano foi muito elogiado pela atuação segura contra o Vasco, na Copa do Brasil. (0:56)

O Santos ofereceu um contrato de produtividade a Ricardo Oliveira, do Atlético-MG, nesta semana. A proposta foi de R$ 300 mil fixos por mês, além de R$ 20 mil por gol.

A oferta está distante do valor recebido pelo centroavante atualmente. Em Minas Gerais, além de bônus por gol, o atleta de 38 anos recebe mais de R$ 600 mil mensais, incluindo as luvas diluídas.

As negociações continuarão a partir da próxima segunda-feira, depois da final do Campeonato Mineiro entre Atlético e Cruzeiro. Ricardo Oliveira está feliz na equipe mineira, mas vê o retorno à Vila Belmiro com bons olhos.

O camisa 9 tem contrato com o Atlético até dezembro de 2020, com opção de renovação por mais uma temporada. O Santos acredita na liberação em troca de um compensação financeira, com a possibilidade de envolver jogadores em troca.

O Atlético, porém, já afirmou que não tem interesse em se desfazer do artilheiro.

Ricardo Oliveira é a prioridade de Jorge Sampaoli. O técnico fala com o atleta periodicamente e acompanha as negociações de perto. Em entrevista nesta quinta-feira, o presidente José Carlos Peres comentou sobre o caso.

“Ricardo Oliveira tem contrato com o Atlético-MG. Falei com o presidente, falou que não pode atender. Temos que respeitar também. Seria uma boa opção. Nesse momento é um pouco difícil, mas não impossível”, afirmou, à Rádio Bandeirantes.