<
>

Palmeiras encontra Globo de novo, mas não chega a acordo e segue fora da TV aberta e pay per view

play
Jorge Nicola: Negociação entre Palmeiras e Globo emperra de vez (3:48)

Existem dois entraves que impedem a assinatura, o que pode tirar o clube da TV aberta e do pay-per-view durante a Série A (3:48)

Segundo apurou a ESPN, o presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, se encontrou na última quarta-feira novamente com executivos da TV Globo, detentora dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro na televisão aberta e PPV (pay per view) - antes, as partes haviam se reunido em 29 de março.

O cartola conversou com membros da emissora, mas não houve avanços ou evoluções importantes nas tratativas, e as partes seguem sem chegar a um acordo, a nove dias do início do Brasileirão (10 dias na data da reunião).

Com isso, o Verdão continua como único clube a não assinar com a empresa carioca para a TV aberta, depois que o Athletico-PR formalizou contrato recentemente.

Vale lembrar que a equipe possui acordo com a Turner para a TV fechada (leia mais abaixo).

Procurado pela reportagem, o Palmeiras não quis se manifestar sobre o tema.

A equipe do Palestra Itália, porém, segue irredutível em suas convicções: quer valores semelhantes aos de Corinthians e Flamengo, na casa de R$ 120 milhões de garantia mínima no PPV.

Nos bastidores do clube, há o interesse em fechar com a Globo, por conta do dinheiro e da visibilidade da televisão. No entanto, um acordo só sairá se for nos termos que o clube quer, e não que a emissora oferece atualmente.

A alta cúpula palestrina vê o clube equilibrado financeiramente, e sem qualquer desespero pela verba da TV. O orçamento de R$ 561 milhões feito pela diretoria para 2019, inclusive, sequer prevê dinheiro vindo das cotas pagas pela exibição dos jogos.

Ou seja: o Palmeiras, campeão de dois das últimas três edições do Brasileiro, se considera apto a passar o ano apenas com o dinheiro vindo da bilheteria, do sócio-torcedor Avanti, da venda de jogadores (meta de R$ 50 milhões) e de seu patrocínio master.

O Verdão, aliás, também conta com apoio da Crefisa na tomada de rumo nessa questão.

"Confio que o presidente (Maurício) Galiotte fará o que for melhor para o clube", disse recentemente a empresária Leila Pereira, dona da operadora de crédito que patrocina o clube.

O Brasileirão começa para o Alviverde em 28 de abril, contra o Fortaleza, no Allianz Parque.

POUCOS JOGOS COM TRANSMISSÃO

Caso o Verdão não chegue a um entendimento com a Globo, serão ao todo 26 partidas sem transmissão no Brasileiro.

Vale lembrar que uma emissora só pode transmitir uma partida se tiver acordo com os dois clubes em campo. Assim, só seriam transmitidos os jogos em que o clube do Palestra Itália enfrentasse outro clube que tem acordo com a Turner – no caso, Athletico-PR, Bahia, Ceará, Fortaleza, Internacional e Santos.

Todos esses seis clubes, porém, já fecharam ou estão fechando acordos com a Globo. Assim, podem ter suas partidas na TV aberta ou no pay per view.

Hoje, portanto, o Palmeiras só teria 12 de seus 38 jogos com transmissão.

Confira a lista dos jogos do Palmeiras sem TV:

CSA x Palmeiras – 2ª rodada
Atlético-MG x Palmeiras – 4ª rodada
Botafogo x Palmeiras – 6ª rodada
Chapecoense x Palmeiras – 7ª rodada
Palmeiras x Avaí – 9ª rodada
São Paulo x Palmeiras – 10ª rodada
Palmeiras x Vasco – 12ª rodada
Corinthians x Palmeiras – 13ª rodada
Grêmio x Palmeiras – 15ª rodada
Palmeiras x Fluminense – 16ª rodada
Flamengo x Palmeiras – 17ª rodada
Goiás x Palmeiras – 18ª rodada
Palmeiras x Cruzeiro – 19ª rodada
Palmeiras x CSA – 21ª rodada
Palmeiras x Atlético-MG – 23ª rodada
Palmeiras x Botafogo – 25ª rodada
Palmeiras x Chapecoense – 26ª rodada
Avaí x Palmeiras – 28ª rodada
Palmeiras x São Paulo – 29ª rodada
Vasco x Palmeiras – 31ª rodada
Palmeiras x Corinthians – 32ª rodada
Palmeiras x Grêmio – 34ª rodada
Fluminense x Palmeiras – 35ª rodada
Palmeiras x Flamengo – 36ª rodada
Palmeiras x Goiás – 37ª rodada
Cruzeiro x Palmeiras – 38ª rodada

2 JOGOS SEM ALTERNATIVA

Em 24 das 26 partidas sem transmissão, o torcedor do Palmeiras tem a alternativa de ir ao estádio para ver o time jogar, seja no Allianz Parque ou fora de casa.

Em dois jogos, porém, não há qualquer possibilidade de assistir ao Verdão.

Isso ocorrerá nos clássicos contra Corinthians, na Arena Corinthians, e São Paulo, no Morumbi.

Esses duelos não terão transmissão de TV e também serão disputados com torcida única por determinação do Ministério Público do Estado de São Paulo.

Dessa forma, o torcedor palestrino não terá como ver sua equipe nem pela televisão e nem no estádio rival, pois não haverá setor visitante nestes clássicos.

A única forma, portanto, será "burlar" as regras e comprar ingresso como se fosse torcedor corintiano ou são-paulino, acompanhando o jogo "disfarçado".

Contra o Santos, porém, não haverá esse problema, já que os jogos podem ser passados na TV fechada pelo fato de ambos terem acordo com a Turner.