<
>

Carille faz mistério e não divulga escalação do Corinthians em Chapecó

play
Jadson torce para Clayson jogar e defende estilo do Corinthians: 'Prefiro ser campeão' (0:59)

Meia acredita que o atacante estará em campo na final contra o São Paulo (0:59)

O técnico Fábio Carille não mostrou qual será a escalação do Corinthians para a partida desta quarta-feira, contra a Chapecoense, às 21h30 (de Brasília), na Arena Condá. Na única atividade realizada em solo catarinense, o treinador promoveu apenas um rachão e um treinamento de cobranças de pênaltis, sem dar qualquer pista sobre o time escolhido para o jogo.

A movimentação, totalmente aberta à imprensa até pela impossibilidade de fechá-la ao público, com torcedores acompanhando nos barrancos que rodeiam o local de treinamento da Chape, só mostrou os atletas descontraídos com o “rachão”.

O treino, sem posicionamento, mostrou que todos os titulares que viajaram a Santa Catarina estão aptos a trabalhar em campo.

Carille, que assegurou já ter uma escalação definida, não poderá contar com o goleiro Cássio, suspenso, o lateral esquerdo Danilo Avelar e o volante Júnior Urso, machucados. Dessa forma, as únicas presenças certas são a do goleiro Walter e a do lateral Carlos Augusto, única opção pela esquerda na defesa.

É provável que o comandante troque alguns nomes com medo de lesões muscular, principalmente devido à forte sequência de jogos encarada. A ideia, porém, é manter a solidez defensiva, provavelmente com um dos zagueiros e Ralf à frente dos defensores.

Dessa forma, uma possível escalação alvinegra tem Walter; Michel Macedo, Pedro Henrique, Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Richard e Sornoza; Pedrinho, Vagner Love e Boselli.