<
>

Com contrato perto do fim e cotado pelo Atlético-MG, Beccacece fala em continuar no Defensa y Justicia

play
Atlético-MG: Com pouco tempo no comando, Rodrigo Santana acredita que 'falta treino' ao clube (1:04)

O treinador assumiu o cargo de Levir Culpi, que foi demitido na quinta-feira, após sofrer goleada para o Cerro Porteno na Libertadores (1:04)

Após demitir Levir Culpi por campanha ruim na Libertadores, o Atlético-MG está a procura de um novo comandante para a temporada. No momento, Rodrigo Santana, que treinava o sub-20 do clube, está no cargo para as finais do Campeonato Mineiro.

Um dos nomes mais pedidos pela torcida nas redes sociais é o de Beccacece, atual técnico do Defensa y Justicia e pupilo de Sampaoli na Argentina. Por sua equipe, fez uma grande campanha no campeonato nacional, levando o 'modesto' clube à segunda posição no torneio.

A relação com o atual técnico do Santos é antiga. Sampaoli, como treinador principal, e Beccacece, como assistente, começaram a trabalhar juntos em 2003, no Sport Boys. De lá para cá, atuaram juntos no Emelec e Universidad de Chile.

O clube mineiro não se pronunciou oficialmente sobre o interesse, mas o técnico, por outro lado, em entrevista na Argentina, já falou sobre sua renovação com sua equipe.

A verdade é que o contrato do treinador está perto do fim e se encerra oficialmente no dia 30 de junho, mas o Defensa y Justicia já trabalha para renegociar o vínculo.

Em nota publicada no site oficial do time, Beccacece falou sobre a continuidade na equipe argentina.

''Sempre pensamos no Defensa y Justicia. Uma vez que as competições terminarem, vamos sentar e definir o futuro. Se é por mim, se temos a possibilidade de seguir este momento, fico encantado. Temos uma relação muito bonita com os dirigentes, com o pessoal e os jogadores. Nós, do corpo técnico, sentimos que estamos na metade do caminho, que temos como melhorar'', afirmou.