<
>

Arsenal vence Watford no sufoco com pixotada incrível e assume 4ª posição da Premier League

play
Concorrente de Gomes no Watford diz que 'ama' o brasileiro e afirma: 'Quero que ele jogue a final' (1:31)

Ben Foster, que é o goleiro titular na Premier League, fez muitos elogios a Gomes, que joga a Copa da Inglaterra (1:31)

Mesmo com um jogador a mais desde os 11 minutos do 1º tempo, o Arsenal passou um enorme sufoco para vencer o Watford fora de casa por 1 a 0. O jogo válido pela 34ª rodada da Premier League foi realizado no Vicare Road Stadium, em Londres, nesta segunda-feira.

O resultado fez a equipe comandada por Unai Emery subir para a quarta posição do Inglês e chegar aos 66 pontos. Os Gunners ainda podem ser ultrapassados pelo Manchester United (64), que tem um jogo a menos

Foi a primeira vez que o Arsenal terminou uma partida fora de casa sem levar gols.

O Watford é o décimo colocado, com 46.

Os visitantes abriram o placar com Aubameyang, aos dez minutos do primeiro tempo. O goleiro Ben Foster foi tentar sair chutando, mas a bola bateu no pé do atacante antes de estufar as redes.

Com 18 gols marcados, o gabonês é o terceiro maior artilheiro da Premier League nesta temporada ao lado de Mané (Liverpool). Ele está atrás somente de Salah (Liverpool) e Aguero (Manchester United), ambos com 19

Apenas um minuto depois, aconteceu o lance que definiu o destino do jogo. Deeney, do Watford, acertou o braço em Lucas Torrera, que caiu no chão. O juiz mostrou o cartão vermelho para o jogador. Depois disso, toda vez que o uruguaio pegava na bola, ele era vaiado pelos torcedores dos donos da casa.

No segundo tempo, a partida ficou muito mais aberta. Com um homem a menos, o Watford foi valente e tentou, dentro de suas possibilidades, buscar o empate. Com a proposta dos mandantes, coube espaço para o Arsenal ampliar e matar o jogo, mas a equipe de Londres desperdiçou diversas chances de marcar.

Aos 12 minutos, Iwobi partiu para o ataque, fez boa jogada pela esquerda e cruzou na medida para Mkhitaryan ampliar. O armênio pegou de primeira mas Foster se recuperou do erro na primeira etapa e fez grande defesa para evitar o gol.

Já aos 16 minutos, os mandantes chegaram muito perto do empate. O lateral-esquerdo Masina arriscou de fora da área e pegou com muita força na bola. A redonda acertou a trave e por pouco não entrou.

Sem aproveitar as chances para ampliar, o Arsenal tomou mais um grande susto, aos 36 minutos. Após troca de passes, Gray saiu na cara da meta da equipe de Londres, driblou Leno mas ao finalizar, Maitland-Niles travou o chute e evitou o empate.