<
>

Napoli vence o Chievo e adia comemoração da Juventus

O Napoli conquistou uma importante vitória neste domingo, pela 32ª rodada do Campeonato Italiano. O vice-líder do da liga precisava de uma vitória contra o lanterna Chievo para evitar que a Juventus conquistasse o título antecipadamente. E o objetivo foi alcançado com uma vitória pelo placar de 3 a 1, no Estádio Marcantonio Bentegodi, com dois gols de Koulibaly e um de Milik. Bostjan Cesar diminuiu para os mandantes.

Com o resultado da partida deste domingo e a derrota da equipe de Turim para a Spal, na manhã deste sábado, o título da Velha Senhora foi adiado em pelo menos uma rodada. Lembrando que basta apenas um empate para a Juventus conquistar o Campeonato Italiano pela oitava vez consecutiva.

O domínio da partida pertenceu ao Napoli do começo ao fim. O placar foi aberto logo aos 15 minutos do primeiro tempo, com Koulibaly aproveitando cobrança de escanteio de Mertens e cabeceando para as redes. Aos 25 minutos, Chiriches teve boa chance de marcar o segundo em cabeceio após cobrança de falta, mas mandou a bola para fora. A primeira etapa acabou com a vitória simples da equipe napolitana, mas com grande superioridade nas finalizações: 6 a 2 para os visitantes.

A etapa final já começou com boa oportunidade para o Napoli, com Mertens finalizando próximo ao travessão aos 7 minutos. Mas foi só aos 19 que o vice-líder conseguiu ampliar o placar. Milik finalizou de fora da área no canto direito do goleiro Sorrentino, sem chances de defesa. Aos 36 minutos, Koulibaly esteve mais uma vez no lugar certo e aproveitou rebote do goleiro do Chievo para fechar o caixão. Os donos da casa ainda tiveram tempo de descontar com Bostjan Cesar, após cobrança de escanteio, mas não alterou o resultado final: 3 a 1 para o Napoli.

Com o resultado, o clube de Nápoles fica na segunda colocação do Campeonato Italiano com 67 pontos, 17 atrás da líder Juventus. O Chievo, por sua vez, segue na lanterna com apenas 11 pontos, já virtualmente rebaixado. Na próxima rodada, o Napoli recebe o Atalanta no San Paolo, enquanto o Chievo visita a Lazio no Olimpico di Roma.