<
>

Manchester City e Liverpool atrás do título; Tottenham, Arsenal, United e Chelsea brigam pela Champions: o Power Ranking da Premier League

A temporada da Premier League está chegando ao fim.

E como esperado, a reta final será extremamente disputada. Manchester City e Liverpool querem o título. Tottenham, Arsenal, Manchester United e Tottenham brigam por duas vagas na Champions League. Isso sem falar, claro, da luta contra o rebaixamento.

Para que você fique sabendo como estão os competidores no atual momento da competição, o o ESPN.com.br organizou mais uma vez as forças do campeonato nesta edição do Power Ranking!


1. Manchester City
Ranking anterior: 1º

O Manchester City é o líder da Premier League não só em pontos, mas também em gols marcados, posse de bola e chances criadas. A equipe de Pep Guardiola se impõe sobre os adversários e dificilmente corre riscos. Vivo na Champions League e na Copa da Inglaterra, porém, tem uma maratona pela frente para administrar seu elenco.


2. Liverpool
Ranking anterior: 2º

O Liverpool só tem uma derrota na competição e fez 13 dos últimos 15 pontos possíveis na Premier League. As vitórias, entretanto, têm sido mais na raça do que na imposição, sofrendo diante do Fulham e precisando de um gol contra nos acréscimos para bater o Tottenham. Se as atuações não melhorarem, pontos importantes podem ficar pelo caminho.


3. Arsenal
Ranking anterior: 5º

O Arsenal aproveitou os quatro dos últimos cinco jogos em casa pela Premier League, vencendo todos eles, e ainda buscou empate com o Tottenham fora. Assim, o quarto lugar está mais do que merecido e, ainda com uma partida a menos do que Spurs e Chelsea, pode sonhar com a terceira colocação - com todo o crédito indo para Unai Emery


4. Manchester United
Ranking anterior: 4º

Com Solksjaer oficialmente efetivado no cargo de treinador, o United segue na briga por uma vaga na Champions League da próxima temporada. Mas nas últimas três rodadas, duas derrotas - para Wolverhampton e Arsenal, rival direto na disputa por um dos quatro primeiros lugares. Das seis rodadas que faltam para o United, quatro serão em Manchester - fora de casa, o time encara o Everton e o já rebaixado Huddersfield. Caminho 'tranquilo' para sair do 6º lugar e se garantir na Champions?


5. Tottenham
Ranking anterior: 3º

Foram meses de atraso, mas o Tottenham finalmente inaugurou seu estádio e está de volta em casa. Na estreia, contra o Crystal Palace, os Spurs venceram e encerraram uma péssima sequência de quatro derrotas e um empate nos cinco jogos anteriores. A distância para o 5º lugar caiu para apenas um ponto, e a vaga na Champions League está ameaçada.


6. Chelsea
Ranking anterior: 6º

A briga pelas duas vagas restantes na próxima Uefa Champions League está pra lá de emocionante. Tottenham (64), Arsenal e Chelsea (63) além de Manchester United (61) estão no páreo. Ao time de Maurizio Sarri, restam seis jogos, sendo um confronto direto contra o United e outro "pesado" diante do vice-líder Liverpool. Nada fácil.


7. Wolverhampton
Ranking anterior: 7º

O campeão do povo. O líder da 'outra' Premier League. O Wolverhampton é o 7º colocado, está atrás apenas dos clubes do famoso 'Big Six', e segue surpreendendo em sua primeira temporada no retorno à Premier League. Os Wolves vêm de vitória sobre o United e seguem empolgando sob o comando do técnico português Nuno Espírito Santo.


8. Leicester
Ranking anterior: 12º

As três vitórias seguidas deram ao Leicester um grande embalo na luta para ser o “melhor do resto” e conquistar a sétima posição. Três pontos atrás do Wolverhampton, precisa embalar outra série de triunfos agora, pois o calendário piora muito nos duelos finais: Arsenal, Manchester City e Chelsea o esperam.


9. Watford
Ranking anterior: 8º

O Watford disputa a 'outra' Premier League com o Wolverhampton. Nas últimas rodadas, além das derrotas para Liverpool, United e City, só vitórias - inclusive um 4 a 1 sobre o rebaixado Fulham na última rodada. O time ainda enfrenta Arsenal e Chelsea até o final da temporada, o que pode atrapalhar na briga pelo 7º lugar.


10. Everton
Ranking anterior: 9º

O Everton teve um bom mês de março, conseguindo quatro pontos diante de Chelsea e Liverpool e sete de 12 possíveis no total. Ainda é possível alcançar o Wolverhampton – são quatro pontos de diferença – mas a tabela é complicada, com Arsenal, Manchester United e Tottenham pela frente.


11. West Ham
Ranking anterior: 11º

Assim como foi boa parte da temporada do West Ham, as últimas rodadas foram de total instabilidade. Vitórias sobre Fulham, Newcastle e Huddersfield. Derrotas para City, Cardiff e Everton. No 11º lugar, o West Ham vai encerrar seu ano decepcionando - principalmente pelas expectativas que existiam sobre a equipe.


12. Bournemouth
Ranking anterior: 10º

Com um calendário bem complicado em março, o time de Eddie Howe venceu apenas o já rebaixado Huddersfield e segue no meio da tabela. O mês de abril promete jogos menos complicados, e os torcedores podem ter um alento ao final desta temporada.


13. Crystal Palace
Ranking anterior: 14º

O Crystal Palace tem ganhado jogos o suficiente para não correr riscos de rebaixamento – mas não passa disso. A equipe até cria bastante, sendo a 8ª com mais chances na Premier League, acima do Arsenal... Falta o arremate. Os londrinos ficam na vice-lanterna em porcentagem de finalizações que acertam o alvo.


14. Newcastle
Ranking anterior: 14º

O Newcastle ainda corre risco de rebaixamento, mas a queda é extremamente improvável. O time venceu apenas um dos últimos quatro jogos, mas exceto pelo Liverpool, o calendário é razoavelmente tranquilo para ajudar o Newcastle a terminar a temporada sem sustos.


15. Southampton
Ranking anterior: 16º

São cinco pontos para a zona de rebaixamento, mas com um jogo a menos disputado - em relação ao Cardiff, 18º colocado. Depois do Liverpool, o Southampton tem partidas contra times do meio de tabela (como West Ham, Newcastle, Watford) para se garantir na Premier League em 2019-20.


16. Burnley
Ranking anterior: 13º

O encanto parecia ter acabado para os comandados de Sean Dyche, mas a vitória sobre o Wolverhampton após uma série de quatro derrotas consecutivas deu um alívio. Apenas cinco pontos acima do Cardiff - e com um confronto direto pela frente -, o Burnley está com a corda no pescoço.


17. Brighton
Ranking anterior: 18º

A vitória fora de casa contra o Crystal Palace parecia o fim da sombra do rebaixamento, mas duas derrotas seguidas (uma delas em casa diante do Southampton) voltaram a atormentar o BHA. O time de Chris Hughton terá Man City, Wolverhampton e Tottenham em abril, mas os duelos que realmente importam são em casa - Cardiff e Bournemouth -, e a permanência na elite passam por eles.


18. Cardiff
Ranking anterior: 17º

Com cinco derrotas nas últimas seis partidas, o time galês é quem está mais próximo de se juntar a Huddersfield e Fulham na segunda divisão para a próxima temporada. As próximas cinco rodadas, porém, reservam apenas confrontos diretos - Burnley, Brighton, Cardiff, Fulham e Crystal Palace -, então é justo dizer: o futuro do Cardiff na Premier League está em seus próprios pés.


19. Fulham
Ranking anterior: 19º

O Fulham já está rebaixado na Premier League. Pior defesa disparada da competição, já sofreu 76 gols em 33 jogos – uma incrível média de 2,3 por partida. Resta lutar para não ficar com a lanterna, tendo três pontos mais que o último colocado Huddersfield.


20. Huddersfield
Ranking anterior: 20º

O Huddersfield Town já está rebaixado. Aliás, os Terriers igualaram o recorde de rebaixamento mais precoce da história da Premier League. Era uma tragédia anunciada: após uma permanência heroica na última temporada, faltou investimento para reforçar o modesto elenco.