<
>

Athletico Paranaense vence Boca Juniors com 3 de Marco Rubén pela Libertadores

play
Herói contra o Boca, Marco Ruben comemora 'volta por cima' e espera grande campanha do Athletico (1:23)

Atacante argentino marcou os três gols na partida contra o Boca Juniors (1:23)

O Athletico Paranaense recebeu o Boca Juniors na Arena da Baixada, teve uma grande atuação e venceu por 3 a 0, nesta terça-feira, pela terceira rodada do grupo G da Copa Libertadores. Marco Rubén foi o destaque da partida ao marcar três vezes e chegar a quatro gols na competição.

Com o resultado, o atual campeão da Sul-Americana vai a seis pontos e lidera a chave. Já os argentinos, que foram os vice-campeões da Libertadores em 2018, estacionam nos quatro pontos. O Deportes Tolima (três) ainda recebe o Jorge Wilstermann (um) nesta quarta.

O resultado ainda interrompe uma série invicta do time xeneize, que vinha de seis vitórias e um empate em jogos oficiais. O último revés havia ocorrido em 20 de fevereiro, diante do Atlético Tucumán, em casa, pelo Campeonato Argentino.

Pela próxima rodada, o Boca Juniors receberá o Jorge Wilstermann na Bombonera, em 10 de abril (quarta-feira), às 21h30 (de Brasília). Um dia antes, o Athletico Paranaense receberá o Deportes Tolima, às 19h15. Antes, no sábado, a equipe rubro-negra enfrentará o Rio Branco na Arena da Baixada, no sábado, às 16h, pela semifinal da segunda fase do Estadual.

Athletico na frente

Em um primeiro tempo com boas chances de cada lado, momentos de ritmo acelerado e um pouco acalorado, o time da casa finalizou mais vezes: 9 a 5. Aos 17min, Benedetto cabeceou perto do alvo. Cinco minutos depois, Thiago Heleno desviou uma cobrança de escanteio fechada de Bruno Guimarães e quase marcou. Aos 28min, Santos fez boa defesa em chute de Reynoso. No minuto seguinte, Rony respondeu, e Andrada realizou grande intervenção.

Aos 35min, a bola encontrou a rede. Rony avançou pela esquerda, cruzou rasteiro, Lucho desviou e Marco Rubén completou para a rede.

Antes do intervalo, houve um momento de tensão depois que Tevez acertou Renan Lodi sem bola - o atacante levou o amarelo, aos 40min.

Marco Rubén completa show e atropelo

Na volta para a etapa final, Rony ficou perto de ampliar a vantagem aos 15min em bela arrancada que acabou com dividida com o goleiro adversário e a defesa desviando para escanteio.

Oito minutos depois, veio o segundo dos mandantes. Pouco depois de ter sofrido um corte no rosto, Marco Rubén completou um contra-ataque letal, que começou com desarme de Lucho e teve ainda assistência de Bruno Guimarães.

Embalados, os mandantes seguiram levando perigo. Aos 34min, Rony parou em Andrada, que espalmou para escanteio. Na cobrança de Nikão, Rony acertou a trave, e a bola sobou para Marco Rubén, que completou de cabeça para o gol vazio.

No restante do confronto, o time da casa continuou em cima até o último minuto, enquanto a torcida não parava com a festa. E não foi por menos.

FICHA TÉCNICA
ATHLETICO PARANAENSE 3 x 0 BOCA JUNIORS

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 2 de abril de 2019, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Roberto Tobar (Chile)
Assistentes: Chrisitan Schiemann (Chile) e Raul Orellana (Chile)
Cartões amarelos: Marco Ruben (Athletico); Tevez (Boca)
Gols: Marco Rúben (Athletico Paranaense), aos 35 minutos do primeiro tempo e aos 23 minutos e 35 minutos do segundo tempo

ATHLETICO: Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Camacho (Léo Cittadini), Lucho (Wellington) e Bruno Guimarães (Marcelo Cirino); Nikão e Rony; Marco Ruben. Técnico: Tiago Nunes

BOCA JUNIORS: Andrada; Buffarini, López, Izquierdoz e Más; Marcone e Nández; Villa (Pavón), Reynoso e Tévez (Zárate); Benedetto. Técnico: Gustavo Alfaro