<
>

Na seleção brasileira, 'aviso' de Tite a Vinicius Jr. antes da Copa América repercute na Espanha

play
Vinicius Jr. ficou para trás após atuações de Éverton e David Neres? Tite responde (0:37)

Atacante do Real Madrid havia sido convocado para os amistosos contra Panamá e República Tcheca, mas foi cortado por lesão (0:37)

As declarações de Tite após a vitória da seleção brasileira sobre a a República Tcheca por 3 a 1 repercutiram na Espanha, principalmente as palavras sobre Vinicius Jr, do Real Madrid. Nesta quarta-feira, os jornais AS e Sport destacaram o “aviso” do treinador.

“Espera-se que Vinicius reapareça no Real Madrid em meados de abril, ou início de maio. Portanto, terá duas semanas para mostrar ao seu treinador que merece um lugar entre os convocados para a Copa América”, escreveu o periódico da capital.

Em entrevista coletiva, Tite afirmou que o atleta revelado pelo Flamengo terá que jogar muito, assim como todos os outros concorrentes pelo lugar.

“Toda a competição que a gente fomenta para os atletas, quanto mais alto nível eles estiverem, competem de forma leal. Não adianta querer ser bonzinho”, disse. “O Vinícius perdeu uma oportunidade, vai ter que jogar muito no seu clube, o Everton vai ter que continuar jogando muito, o Neres vai ter que continuar... Porque eleva o nível do atleta. É assim na realidade, os fatos são esses”, declarou o comandante.

“Assim como o Richarlison entrou numa situação que o Pedro estava machucado e deu conta. Com uma característica de externo diferente, mas agressivo também. Não tanto do drible, mas mais da chegada na área”, lembrou Tite, comparando com a situação de Vinicius Jr.

O atacante de 18 anos lesionou o tornozelo na derrota por 4 a 1 para o Ajax nas oitavas de final da Champions League, no dia 5 de março.