<
>

Viralizou no Fla-Flu: torcedora Laís ficou fissurada pelo Maracanã e faz até avô comprar camisa do rival

A imagem mais comentada do Fla-Flu de domingo não veio de dentro do campo. Nas arquibancadas, a pequena tricolor Laís de Oliveira Nascimento, de 7 anos, nos ombros do avô rubro-negro Vanderlei Nascimento, de 59, em meio a um mar de torcedores do Flamengo, representou a essência do que todos amam no futebol.

A foto registrada pelo fotojornalista Alexandre Cassiano, do jornal O Globo, demonstra o respeito pelo adversário e a paz (tão desejada) nos estádios – algo que um dos próprios personagens da imagem pode confirmar.

“No Maracanã, foi muito tranquilo, foi lindo. Estava tudo em paz. Tinha alguns outros tricolores também, não tivemos nenhum problema”, contou o 'vovô' Vanderlei em entrevista ao ESPN.com.br.

“Minha família é toda dividida. Minha esposa (avó de Laís) torce para o Fluminense. Aí, ela (Laís) seguiu a tendência, passou a gostar muito. E aqui em casa não tem problema, não tem essa. Futebol é paixão. Paixão vem de dentro e é de cada um”, explicou Vanderlei sobre a origem da torcida de sua neta.

Camisa tricolor na primeira ida ao estádio

A responsável pelo amor tricolor é Nelcimar Nascimento, avó de Laís. Seu pai, Leonardo, é rubro-negro, ao passo que a mãe, Natália, é vascaína.

“Sou Flamengo, amo meu clube, mas não tem problema nenhum. Até camisa do Fluminense eu tenho que comprar para ela. Amo meu time, mas sou apaixonado pelo futebol”, disse Vanderlei.

“Ela gosta muito de futebol. Fica fissurada. Foi a primeira vez que ela foi e adorou. Ela queria ir toda pintada, mas não deu tempo”, seguiu o avô.

Agora, Laís quer entrar em campo com os atletas no próximo Fla-Flu, quarta-feira (27), válido pela semifinal da Taça Rio. A mãe, inclusive, foi às redes sociais e fez o pedido.

“Conto com a ajuda de vocês para que venham divulgar a foto. Quem sabe ela possa realizar o sonho de entrar em campo quarta-feira com os jogadores”, escreveu.