<
>

Chelsea denuncia caso de racismo de torcedores do Dinamo de Kiev contra Callum Hudson Odoi

Nesta segunda feira, o Chelsea anunciou que entrou com uma denúncia na Uefa contra atos de racismo cometidos pela torcida do Dínamo de Kiev, no confronto de volta das oitavas de finais da Liga Europa. O jogador Callum Hudson Odoi relatou que os torcedores da casa estavam imitando barulho de macaco nos minutos finais da partida.

Hudson Odoi teria avisado Azpilicueta que parte da torcida, localizada próximo da bandeira de escanteio, estava imitando um macaco. O lateral, após o apito final, contou ao árbitro sobre o incidente e ele registrou na súmula.

O jogador ainda contou ao clube, que logo relatou ao comissário da Uefa.

Com o aviso, segundo a imprensa inglesa, a Uefa irá investigar a denúncia.

O Chelsea emitiu uma nota em seu site oficial:

“Nós podemos confirmar uma denúncia de racismo dirigido à um dos nossos jogadores nos minutos finais da partida em Kiev, por uma pequena parte da torcida mandante. Nós condenamos esse comportamento abominável. O assunto foi reportado ao árbitro após o fim da partida e o presidente e secretário do clube falaram com o delegado da Uefa, imediatamente após a partida. Nós esperamos que a Uefa conduza uma investigação completa e nós iremos cooperar.”