<
>

Saint-Étienne resolve no primeiro tempo e goleia o Caen em casa

O Saint-Étienne segue firme em sua missão de figurar em uma competição europeia na próxima temporada. Neste sábado, no Estádio Michel D’Ornano, os comandados de Jean-Louis Gasset não tomaram conhecimento do modesto Caen, construíram uma boa vantagem no primeiro tempo, consolidaram no segundo e saíram de campo vitoriosos por 5 a 0.

Agora, ambos os times terão um bom tempo para treinar, já que são as seleções que entram em campo para a Data Fifa. O Saint-Étienne, por exemplo, volta a atuar apenas no próximo dia 31, pelo Campeonato Francês, para medir forças com o Nîmes. Já o Caen, brigando contra o rebaixamento, terá, no mesmo dia, o Monaco, em franca recuperação na competição.

O JOGO

Jogando em casa e contra o vice-lanterna do Campeonato francês, o Saint-Étienne tomou a iniciativa da partida e precisou de apenas quatro minutos para balançar a rede pela primeira vez. Romain Hamouma abriu caminho pela defesa do Caen, disparou e acertou um grande chute de perna esquerda, sem qualquer chance para o goleiro Brice Samba.

Rapidamente na frente do placar, os mandantes não diminuíram o ritmo e mantiveram a intensidade, chegando ao segundo gol com tranquilidade. Aos 20 minutos, Hamouma lançou Robert Beric, que recebeu dentro da área e completou para a rede, aumentando a vantagem do Saint-Étienne.

Dominante no campo ofensivo, os donos da casa continuaram a criar inúmeras chances, enquanto o Caen mostrava a falta de repertório para tentar diminuir o placar. Nesse cenário, quem chegou ao gol foi o Saint-Étienne, mais uma vez. Aos 30 minutos, Arnaud Nordin aproveitou a enfiada do meio da defesa e tocou no canto direito, na saída do goleiro, dando números finais ao primeiro tempo.

Se os primeiros 45 minutos ficaram marcados pela atuação consistente e pela intensidade do lado do time da casa, a segunda etapa caminhou de forma bem mais morna. Com maior posse de bola, o Caen abusou das ligações diretas e encontrou muitas dificuldades para infiltrar na meta do St.Étienne, que manteve o controle das ações mesmo criando muito pouco.

A primeira boa trama ofensiva do segundo tempo foi do Saint-Étienne. Aos 11 minutos, Romain Hamouma aproveitou o rebote da jogada e disparou um belo chute no canto direito. Brice Samba, porém, praticou um milagre e evitou o que seria o quarto tento dos donos da casa.

Na reta final, o jogo seguiu com o cenário dos primeiros minutos do segundo tempo, tendo as duas equipes dado de braços ao jogo apoiado, a movimentação, intensa e dando lugar a um jogo de mais passes do meio-campo para trás. A diferença foi a qualidade coletiva, que voltou a se sobressair a favor do Saint-Étienne. Nos minutos finais, Ghezalhi e Vada, ambos em lances de rebotes deram números finais.

Confira os demais jogos deste sábado no Campeonato Francês:

Angers 0 X 0 Amiens

Guingamp 1 X 0 Dijon

Nimes 2 X 2 Strasbourg