<
>

Ituano bate o Bragantino, e Corinthians fica próximo de classificação no Paulista

play
Vagner Love é titular ou reserva o Corinthians? 'Chama o Carille', brinca atacante (1:24)

Atacante exaltou a qualidade do grupo de jogadores da equipe alvinegra (1:24)

Nesta sexta-feira, o Ituano visitou o Bragantino, no Nabi Abi Chedid, e venceu com facilidade por 3 a 0. Com dois gols do jovem Martinelli, o Ituano não teve dificuldades para vencer e chegou aos 17 pontos com a vitória.

Com o resultado desta sexta, o Corinthians está mais próximo das quartas de final do Campeonato Paulista. O time de Fábio Carille é o primeiro colocado do grupo C, com 15 pontos. O Bragantino, derrotado pelo Ituano, soma 10 pontos, na terceira posição, e não pode mais alcançar o Corinthians na chave, faltando apenas mais uma rodada para o término da fase classificatória. A Ferroviária está em segundo, com 14 pontos, e o Mirassol é o quarto, com 9 pontos.

Os primeiros minutos do primeiro tempo foram estudados, mas não demorou muito para os visitantes saírem na frente. A estrela de Martinelli brilhou e o garoto de apenas 17 anos foi decisivo na partida. No segundo tempo, Ramon aproveitou rebote em cobrança de falta para fazer o terceiro do Ituano.

O resultado pode garantir o Ituano na primeira colocação do Grupo D do Campeonato Paulista por mais uma rodada. O time atingiu os 17 pontos e abriu três de vantagem para o São Paulo e cinco para o Oeste, que ainda jogam na rodada. A distância para o São Paulo no saldo é de quatro gols.

O jogo

O Ituano abriu o placar aos 17 minutos, com Martinelli, a principal revelação da equipe no Estadual. Peri tabelou com Ramon pela esquerda e cruzou para o jovem atacante apenas empurrar para a rede.

E não demorou muito para os visitantes ampliarem o placar. Depois de cobrança de escanteio para o Bragantino, Martinelli pegou o rebote e, ao driblar dois adversários, puxou o contra-ataque. O camisa 11 abriu para Ramon, que devolveu e Martinelli, de cavadinha na saída do goleiro, marcou o segundo.

No final do tempo inicial, aos 43 minutos, o Bragantino foi parado pela trave e não conseguiu descontar. Lázaro completou de cabeça a cobrança de escanteio e acertou o travessão do Ituano.

Na segunda etapa, o time de Itu ampliou logo aos três minutos com Ramon. Em cobrança de falta, Jonas cobrou com categoria e acertou o travessão. No rebote, o camisa 9 ainda dominou no peito e finalizou para o gol marcando o terceiro dos visitantes.

Assim como no primeiro tempo, a trave atrapalhou a equipe do Bragantino. Aos 20 minutos, Acácio cruzou para a área e Magno cabeceou, mas a bola encontrou o poste direito.

A partida ficou ainda mais complicada para os mandantes, já que aos 34 minutos, o lateral direito Itaqui deu entrada forte por trás de Marcelinho e recebeu o cartão vermelho direto.