<
>

Cristiano Ronaldo explica ausênsia da seleção e espera retornar

Cristiano Ronaldo não vinha sendo convocado para os jogos de Portugal depois da Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Nesta terça-feira, em entrevista para a DAZN, o jogador explicou porque ficou afastado da seleção.

Após a eliminação de Portugal para o Uruguai, nas oitavas de finais da Copa do Mundo, Cristiano Ronaldo se transferiu do Real Madrid para a Juventus. Ele passou por uma grande mudança e precisava de um período de adaptação na Itália.

“Sinto-me bem. [A minha ausência da seleção] foi um processo de adaptação ao clube. Tive uma conversa com o treinador, com o presidente também, e senti que era hora de parar na seleção, porque era um país novo, uma cultura diferente, tive uma mudança grande, a minha família, os meus filhos. Queria assentar um pouco, treinar, concentrar-me para poder começar bem no clube. Tínhamos terminado a Copa e dois meses depois voltaríamos a jogar” explicou o cinco vezes melhor do mundo.

No ano de 2019, Ronaldo já está mais adaptado a vida na Itália. Na Juventus, fez seis gols e deu quatro assistências, em 11 jogos. Invicto, o time lidera o Campeonato Italiano com 75 pontos, 18 a mais que o vice-líder Napoli. Com a situação já estabelecida no novo clube, o atacante português espera voltar para a seleção.

“O treinador percebeu a minha ideia, percebeu o que eu queria fazer, mas obviamente que este ano é um conceito diferente. Já estou habituado ao Campeonato Italiano e ao país e por isso, nos próximos jogos, espero dar a minha contribuição à seleção, porque também sinto falta, é a minha casa, e quero ajudar Portugal a se classificar para a Eurocopa de 2020.”