<
>

Arsenal leva virada do Rennes na França e se complica para jogo da volta pela Europa League

play
ESPN lança Fantasy de futebol internacional (0:30)

Você poderá montar seu time da Premier League da Inglaterra, da LaLiga da Espanha ou da Uefa Champions League (0:30)

Na tarde desta quinta-feira, 7, o Arsenal perdeu de virada para o modesto Rennes da França por 3 a 1, no Roazhon Park. Após sair na frente, os Gunners aceitaram a pressão do adversário e com a expulsão do zagueiro Sokratis, ainda no primeiro tempo viram como questão de tempo levar os gols e saírem atrás no duelo pela fase de oitavas de final da Europa League.

Os ingleses saíram na frente com Iwobi, mas Bourigeaud, Monreal (contra) e Sarr marcaram a favor do Rennes, que após eliminar o Betis, sonha agora passar por um grande do futebol europeu. Com o resultado, o time inglês terá que fazer pelo menos 2 a 0, para se classificae para a próxima fase da competição. Os franceses levam a vantagem do empate e podem perder por até um gol de diferença. O jogo de volta será em Londres, às 17h00 (horário de Brasília).

Agora os comandados de Unai Emery voltam a pensar no Campeonato Inglês. No domingo, o time terá um clássico contra o Manchester United, no Emirates Stadium, às 13h (horário de Brasília), com transmissão da ESPN e do WatchESPN. Pelo Francês, o Rennes recebe o Caen.

Gunners saem na frente, mas cedem empate

O Arsenal murchou a torcida do adversário logo aos quatro minutos de partida. Iwobi recebeu da esquerda, ia se atrapalhando com a bola, mas conseguiu descolar o cruzamento à meia altura. A redonda foi direto para o fundo das redes do goleiro Koubek, abrindo o placar.

Superiores tecnicamente, os Gunners seguiam pressionando. Torreira teve boa chance, mas parou em Koubek. No rebote, Aubameyang tentou de bicicleta, por cima do gol. Os mandantes responderam em cobrança de falta de Grenier, que subiu e se perdeu pela linha de fundo.

O Rennes assustava bem pouco no jogo, as melhores chances eram em cobranças de falta. Porém, Cech fazia boas defesas, e não é que a bola parada foi decisiva. Aos 41 minutos, Sokratis foi expulso após dar um puxão, como o grego já tinha o amarelo, foi para o chuveiro mais cedo. Na batida, Bourigeuad acertou a barreira e no rebote mandou uma pedrada para empatar o jogo.

Rennes pressiona, vira e sai com a vantagem

Com um a mais, os franceses se empolgaram em busca do segundo gol. Aos cinco minutos, Bourigeaud teve muito espaço para finalizar, mas a bola passou perto da meta defendida por Cech. Além disso, o time começou a perder boas chances na etapa final, e o Arsenal escapava de derrota.

De tanto martelar, o Rennes passou a frente de forma merecida. Após bate rebate na área, a bola sobrou na direita. Em cruzamento despretensioso, Monreal desviou contra o próprio patrimônio, decretando a virada dos donos da casa. A pressão seguia, mas Cech continuava salvando.

Sem qualquer inspiração, coube aos londrinos se retraírem no campo de defesa. O time francês continuava pressionando em busca do terceiro gol, que complicaria tudo. E o golpe fatal veio: em contra-ataque de almanaque, Sarr completou de cabeça e fechou a conta em 3 a 1.

Confira os resultados dos jogos das 14:55

Dinamo Zagreb 1 x 0 Benfica

Eintracht Frankfurt 0 x 0 Internazionale

Rennes 3 x 1 Arsenal

Sevilla 2 x 2 Slavia Praga

Zenit 1 x 3 Villarreal