<
>

Emiliano Sala: Nantes vai à Fifa para receber quase R$ 30 milhões da transferência

O Nantes decidiu recorrer à Fifa para resolver a disputa com o Cardiff sobre o pagamento da transferência do atacante argentino Emiliano Sala, morto em um acidente de avião pouco depois do acerto da negociação.

Segundo o jornal francês "L'Équipe", o Nantes apresentou na terça-feira um recurso à entidade máxima do futebol mundial para exigir o pagamento da primeira parcela da transferência do jogador argentino, que estava em um avião que caiu no Canal da Mancha em janeiro.

O Nantes se baseia no artigo 12 do regulamento do estatuto de transferência de jogadores da Fifa e exige os 6 milhões de euros (R$ 29,8 milhões na cotação atual) da primeira parcela da negociação.

Sala foi vendido ao Cardiff por 19 milhões de euros no total, sendo 2 milhões de euros em bônus por desempenho.

O pagamento foi dividido em três parcelas: 6 milhões de euros na assinatura do contrato, outros 6 milhões de euros na temporada seguinte e o restante no terceiro ano do jogador com o Cardiff.

O contrato foi assinado em 21 de janeiro, mesmo dia em que o avião que levava o jogador de Nantes a Cardiff caiu no mar. O corpo de Sala foi encontrado no fundo do Canal da Mancha 18 dias depois.

Apesar de o presidente do Cardiff, Mehmet Dalman, ter garantido que o clube tinha honra e pagaria os valores ao Nantes, o dinheiro ainda não foi depositado na conta da equipe francesa.