<
>

Ricardo Gomes é demitido do Bordeaux menos de 6 meses após trocar Santos por time francês

Segundo o jornal L'Équipe, o Bordeaux demitiu nesta terça-feira o brasileiro Ricardo Gomes da função de general manager do clube. O motivo não foi revelado.

O profissional estava trabalhando na função desde setembro do ano passado, quando deixou o cargo de executivo de futebol do Santos.

À época, a justificativa dada nos bastidores do Peixe foi de que o salário oferecido pelo clube da Ligue 1 era muito maior.

A experiência de Gomes na equipe da qual é ídolo, porém, durou menos de seis meses.

Ainda de acordo com o diário, a ideia inicial do Bordeaux era de que Ricardo tivesse assumido o cargo de técnico, preenchendo a vaga do demitido Gustavo Poyet.

No entanto, "pela falta de diplomas necessários", segundo o L'Équipe, o brasileiro foi realocado como manager, enquanto Eric Bedouet foi promovido a treinador.

O Bordeaux é atualmente o 13º colocado do Campeonato Francês, com 32 pontos, 36 a menos que o líder PSG.