<
>

Palmeiras encaminha venda de Deyverson ao futebol chinês; falta só 'sim' do atacante

play
Leila Pereira comenta 'atitude lamentável' de Deyverson e diz que aceitou o pedido de desculpas do atacante (1:24)

A dona da Crefisa afirmou que a atitude do centroavante 'não atinge imagem do patrocinador' (1:24)

Deyverson está de saída do Palmeiras.

Após 2 anos, 63 jogos, 17 gols, 5 cartões vermelhos e incontáveis polêmicas no time paulista, o atacante parece estar de malas prontas para o Shenzen FC, da China, de acordo com informações do globoesporte.com, confirmadas pela ESPN.

A negociação gira em torno dos 12 milhões de euros (R$ 51 milhões), podendo chegar a 15 milhões de euros (R$ 64 milhões), dependendo de bônus e produtividade de Deyverson com a camisa do novo clube.

Do valor total, cerca de 70% seria passado ao Palmeiras, e os outros 30% ao Levante, ex-clube do atacante.

Em 2017, Deyverson foi comprado por 5 milhões de euros (pouco mais de R$ 21 milhões), fazendo da venda um ótimo negócio para os cofres alviverdes.

A negociação, no entanto, ainda não foi concretizada, e depende do acerto entre o atacante e o Shenzen FC.

Com a saída do atacante, Felipão terá agora Borja, Athur Cabral, Ricardo Goulart e Willian, que se recupera de lesão, como opções para o ataque do Palmeiras, que enfrenta o Santos, no sábado, pelo Campeonato Paulista.