<
>

Chelsea: Sarri diz que sua tática não é motivo de fracasso do time

O técnico do Chelsea, Maurizio Sarri, negou que suas arrojadas táticas de jogo sem o motivo do fracasso do clube até o momento na temporada.

Os Blues estão em 6º lugar na Premier League, fora da zona de classificação para a próxima Champions. Além disso, vêm de três derrotas nos últimos quatro jogos, com direito a 12 gols sofridos nesta série.

Na Copa da Inglaterra, a equipe de Londres foi eliminada em casa pelo Manchester United. Já na Copa da Liga, considerada a competição menos importante do país, o time até chegou à final, mas entra como zebra contra o "favoritaço" Manchester City.

Para Sarri, porém, seus arranjos em campo não são a questão central, apesar do time ter sido vaiado após a queda para os Red Devils, com o treinador tendo que ouvir gritos de "F***-se o 'Sarribol'".

"O sistema é um falso problema", bradou, em coletiva de imprensa.

"Eu sei muito bem que, quando perdemos, (os jornalistas) dizem que tenho que colocar mais um atacante no campo. Quando estou ganhando, (os jornalistas) dizem que tenho que colocar um zagueiro. Mas quero ver o futebol de outra forma", filosofou.

O italiano afirma que o grande problema do Chelsea no momento é a falta de eficiência.

"Tenho que acreditar que podemos melhorar, e que temos capacidade de melhorar imediatamente. O resultado não é tudo na partida. No jogo contra o United, nós jogamos melhor, melhor e melhor, especialmente no primeiro tempo. Mas temos que resolver um grande problema, porque ficamos no campo adversário por 75 dos 90 minutos e não conseguimos fazer um gol", analisou.

"Eles jogaram 15 ou 16 bolas para nossa área e fizeram dois gols. Então, nós temos que resolver esse problema: um problema da agressividade da equipe e da determinação que temos nas duas áreas", completou.

Sobre possibilidade de demissão, ele foi sincero.

“Eu tenho que pensar que eu vou ser o técnico do Chelsea por um longo tempo, senão, eu não consigo trabalhar. Eu não tenho certeza, mas tenho que pensar isso. Quero trabalhar com um objetivo de longo prazo”, salientou.