<
>

Champions League: Nastasic, hoje no Schalke, reencontra Manchester City após grave lesão

play
Alarme de incêndio dispara durante entrevista e surpreende Guardiola: 'Alguém fumou aqui?' (1:17)

Fato inusitado aconteceu após a vitória do Manchester City para cima do Newport County (1:17)

O jogo desta quarta-feira válido pelas oitavas de final da Uefa Champions League será o reencontro do zagueiro Nastasic, do Schalke 04, com o Manchester City. O sérvio de 25 anos chegou a ser considerado uma das maiores promessas dos Citizens e barrou o experiente Joleon Lescott, mas não conseguiu brilhar da forma esperada.

Após começar na base do Partizan e ter uma passagem pelo Teleoptik, ele foi para a Fiorentina, em 2012. Na Itália, se destacou depois de um duelo contra o Milan no estádio Artemio Franchi.

Com apenas 19 anos, foi contratado pelo Manchester City e estreou pela equipe inglesa em uma derrota para o Real Madrid por 3 a 2 no Santiago Bernabéu, em jogo válido pela fase de grupos da Liga dos Campeões.

Nastasic foi titular até sofrer uma séria lesão no joelho, que atrapalhou seu desenvolvimento. Após retornar, nunca mais recuperou seu espaço com o técnico Manuel Pellegrini.

"Quando eu estava no City, eu era muito jovem. No começo foi perfeito para mim, mas no final, não fui tão bem sucedido. Mas devo dizer que curti todos os dias em que estive no clube e tenho orgulho de fazer parte", disse Nastasic, ao site do City.

Após atuar em 51 jogos e ter sido campeão da Premier League de 2014 e vice da Copa da Inglaterra, o zagueiro foi para o Schalke em janeiro de 2015.

"Ele é um cara sensacional e de grupo. Bom jogador, joga muita bola. É um zagueiro canhoto, algo muito difícil de se encontrar no mercado do futebol. Um cara muito profissional mesmo", disse Júnior Caiçara, que jogou no Schalke com Nastasic, ao ESPN.com.br.

Na equipe de Gelsenkirchen, ele ainda foi assombrado pelo fantasma das lesões. Ficou praticamente de fora de toda temporada 2015/16, mas retomou o alto nível na época seguinte. Hoje, seu valor de mercado é de 22 milhões de euros, R$ 92 milhões, segundo o Transfermarkt.

"Apesar da idade, é muito experiente e técnico. Ele é muito forte e técnico, mesmo não sendo tão rápido. Ele compensa isso com atalhos, coisa que um zagueiro adquire com o passar dos anos, mas ele já possui", diz Felipe Santana, ex-jogador do time alemão, ao ESPN.com.br.

"Não faz tantos gols, mas tem na saída de jogo o seu super trunfo. É um jogador que não se aperta em momento nenhum, é muito frio. Isso o credencia a ser destaque da zaga do Schalke desde que chegou", completou.

O zagueiro ajudou o clube de Gelsenkirchen a chegar na segunda posição da Bundesliga de 2018. Apesar do desempenho ruim no Alemão, a equipe chegou às oitavas de final da atual edição da Uefa Champions League. Agora, o adversário será o poderoso Manchester City de Pep Guardiola. O jogo de ida será na Alemanha, nesta quarta-feira.

“Todas as pessoas que trabalharam e ainda trabalham no clube foram fantásticas. Estou realmente ansioso para jogar de novo no Etihad porque tive ótimas lembranças. Nós todos sabemos o quão forte é o City. Então, temos que estar no nosso melhor se quisermos fazer alguma coisa", disse Nastasic.