<
>

Juventus: de Pirlo e Pogba a Ramsey; veja 'seleção' que Juventus conseguiu de graça no mercado em uma década

A Juventus segue contratando grandes jogadores do futebol europeu e reforçando seu elenco.

O clube italiano é conhecido por conseguir assinar com jogadores valiosos, porém, de graça. Como faz isso? É 'simples'.

A diretoria do time de Turim costuma observar atletas que se aproximam do fim de contrato com seus respectivos clubes, apresenta uma proposta de pré-contrato e garante a 'pechincha'.

Assim, montamos uma lista com os melhores nomes que assinaram com a Juve e se encaixam nestes casos de sucesso:

Fabio Canavarro

O zagueiro italiano teve duas passagens pela Juventus, em 2004, assinou a transferência da Inter de Milão para o clube alvinegro, por aproximadamente 10 milhões de euros (aproximadamente 49 milhões de reais). Permaneceu por dois anos e foi vendido para o Real Madrid por 7 milhões de euros (29 milhões de reais).

No clube madrilenho, foi bicampeão de LaLiga e retornou para a Juventus por 'custo zero'.

A segunda passagem no clube italiana foi mais vitoriosa, o defensor conquistou uma série de títulos individuais. Foi eleito 'melhor jogador do mundo' em 2006, ano em que conquistou a Copa do Mundo com sua seleção.

Andrea Pirlo

O meio-campista jogou pelo rival, Milan, durante onze anos. Após fazer história no adversário, acertou a ida para a Juve por 'custo zero'. Em Turim, venceu o Campeonato Italiano em três oportunidades.

Saiu em 2014, em transferência também sem custos para jogar no futebol estadunidense. Ele defendeu as cores do New York City FC até 2017, quando se aposentou.

Paul Pogba

Formado nas categorias de base do Manchester United, o jovem francês foi 'liberado' pelo clube inglês. Seu contrato expirou no verão europeu de 2012 e a Juventus se movimentou no mercado para assinar com o atleta, que, na época, tinha 19 anos.

Ao lado de Pirlo, conquistou a Serie A Tim algumas vezes. Pogba venceu o Italiano em quatro oportunidades, sendo que todos os títulos conquistados em sequência.

Em 2016, retornou para o Manchester United. Ele é o segundo jogador mais caro da história (cerca de 386 milhões de reais), atrás apenas do brasileiro Neymar (821 milhões de reais), quando foi para o PSG.

Fernando Llorente

Após se destacar no futebol espanhol atuando pelo Athletic Bilbao, o centroavante Fernando Llorente acertou com a Juve em 2015. Junto com os dois últimos jogadores citados nesta lista, o atleta conquistou uma série de títulos do principal torneio nacional da Itália.

Na Juventus, foi tricampeão da Serie A (2013/14, 2014/15 e 2015/16). Assim como chegou, saiu sem custos. Em 2015, Llorente retornou ao futebol espanhol para defender as cores do Sevilla.

Kingsley Coleman

O francês foi formado na base do PSG e 'promovido' ao time profissional, porém, não ficou por muito tempo no clube. Em 2014, a Juve observou a oportunidade de mercado e utilizou a mesma estratégia da contratação de Pogba, acertou com o jovem atleta no final de seu contrato.

Conquistou o Campeonato Italiano em duas oportunidades (2014/15 e 2015/16), apesar de não atuar durante toda sua última temporada.

A Juventus também lucrou com o jogador. Em 2015, ele acertou seu empréstimo para o Bayern de Munique. No clube alemão, se destacou, e foi contratado em definitivo no final do empréstimo por 88 milhões de reais.

Sami Khedira

O alemão jogou no Real Madrid por cinco anos. Durante sua passagem, o meio-campista chamou a atenção da diretoria da Juve e assinou o contratado em 2015. Ele é tricampeão da Serie A (2015/16, 2016/17 e 2017/18).

O jogador atua pela Juventus e é uma peça importante no time comandado pelo técnico Massimiliano Allegri.

Dani Alves

Um ano após contratar Khedira, a Juventus observou outra grande oportunidade que poderia chegar 'sem custos'. O clube italiano acertou com o lateral-direito brasileiro, que fez história jogando pelo Barcelona e no futebol espanhol.

Apesar de permanecer por apenas uma temporada no clube, foi vice-campeão da Uefa Champions League e também conquistou o Campeonato Italiano (2016/17).

Emre Cam

O meia alemão brilhou na Premier League jogando pelo Liverpool, clube que defendeu por quatro anos. Ele assinou com a Juventus no ano passado.

Rapidamente, conquistou um título pelo time italiano. Cam ergueu o troféu da Supertaça da Itália. Atualmente, a Juve lidera a Serie A por 11 pontos de distância para o segundo colocado e segue rumo ao oitavo título consecutivo.

Aarom Ramsey

A mais nova 'pechincha' do time italiano nasceu no País de Gales. O meio-campista de 28 anos encerrou seu contrato com o Arsenal neste ano e já vestiu a nova camisa.

No clube inglês, ele foi tricampeão da Copa da Inglaterra (2014, 2016 e 2017).